Clássico ucraniano tem pancadaria generalizada após gol de brasileiro

Pancadaria em clássico ucraniano
Reprodução/Shakhtar Donetsk

O placar de 3 a 0 na partida entre Shakhtar Donetsk e o líder do ucraniano Dínamo de Kiev foi mero coadjuvante na história do jogo, que ficou marcado mesmo pela briga generalizada após o terceiro gol. O resultado tranquilo para os donos da casa gerou revolta para os jogadores de Kiev, que partiram para a pancadaria.

LEIA MAIS:
TRÊS BRASILEIROS PODEM DEIXAR O BARCELONA NA PRÓXIMA TEMPORADA

Todos os gols da equipe do Shakhtar Donetsk foram anotados por brasileiros. Primeiro Eduardo Silva no primeiro tempo. Na segunda etapa, Wellington Nem ampliou o marcador. A confusão aconteceu após o terceiro gol, segundo do brasileiro naturalizado croata aos 33 minutos do segundo tempo.

Incomodados com a comemoração após o gol de Eduardo Silva, os jogadores do Dínamo de Kiev partiram para cima dos adversários. Stepanenko foi agredido com chutes e pontapés por Yarmolenko. Enquanto a pancadaria acontecia, os torcedores ultras da equipe visitante arremessavam fogos de artifício e sinalizadores para dentro de campo. Confira no vídeo abaixo.

Tanto Stepanenko quanto Yarmolenko foram expulsos pelo árbitro do jogo após as cenas lamentáveis. A partida acabou em 3 a 0, com o Shakhtar reduzindo a desvantagem para o líder Dínamo na liderança para apenas três pontos.



Jornalista formado pela USCS, apaixonado por esportes, cultura e comunicação. Ex-atleta em atividade, pensa que sabe algo sobre futebol, handebol e esportes americanos.