Sem festa! Leicester empata com United e adia sonho do título

Manchester United x Leicester - Wes Morgan goal
Crédito da Foto: Reprodução/ Twitter Oficial da Premier League

O sonho do título inédito do Leicester não será realizado neste domingo (1). Os Foxes ficaram no empate em 1 a 1 com o Manchester United e, para levantar a taça da Premier League ainda nesta rodada, torce por um tropeço do Tottenham, que visita o Chelsea nesta segunda (2). De qualquer forma, sem depender de outros resultados, o time de Claudio Ranieri precisa de apenas dois pontos nas últimas duas rodadas para levantar a taça.

LEIA MAIS:
MANCHESTER UNITED 1 X 1 LEICESTER: ASSISTA AOS GOLS DA PARTIDA
EMPRESTADO PELO CORINTHIANS, ATACANTE MARCA PRIMEIRO GOL NA MLS; ASSISTA
ARSENAL VENCE O NORWICH, MAS TORCIDA PROTESTA CONTRA ARSENE WENGER

Assim como foi durante toda a temporada, os Foxes deixavam o adversário com a bola nos pés e, buscando a vitória a todo custo a fim de se garantir na próxima Liga dos Campeões, o United foi para cima. Aos 8 minutos, Valencia fez boa jogada pela direita e cruzou. A bola atravessou a área e, sozinho pela esquerda, Martial chutou forte de primeira, abrindo o placar para o time da casa.

O Leicester, no entanto, não sentiu o golpe (nem a ausência do artilheiro Jamie Vardy, suspenso) e aproveitou a bola aérea para reviver na partida. Aos 17, Drinkwater cobrou falta na área e o zagueiro Morgan cabeceou cruzando, igualando o marcador em Old Trafford. Depois do tento, o time de Claudio Ranieri passou a respirar mais e equilibrar as ações da partida.

Na segunda etapa, os visitantes voltaram com mais confiança e mais presentes no campo de ataque com os espaços deixados pelos Red Devils. Antes dos cinco minutos, as Raposas chegaram três vezes ao gol de De Gea – duas pelo alto e outra com Simpson, na chance de maior perigo até então nos 45 minutos finais.

Apesar da maior posse de bola, os donos da casa não tinham facilidade para chegar ao setor ofensivo e o jogo não fluía. O Leicester, então, tentava aproveitar os contra-ataques e, aos 25, Mahrez costurou a zaga e finalizou firme, exigindo defesa no susto de De Gea. 12 minutos depois, quem quase fez o gol foi o United, com Smalling cabeceando na trave.

A cinco minutos do final do tempo regulamentar, o lance polêmico da partida. Memphis Depay penetrava pela esquerda e foi derrubado por Drinkwater, que levou o segundo amarelo e foi expulso. A questão, no entanto, era o lugar da infração – o camisa 7 parecia estar em cima da linha, mas o juiz marcou falta fora da área.

Apesar do final intenso, a segunda etapa não teve tantas chances claras para ambos os lados. Nem os quatro minutos de acréscimo colaboraram para a mudança no placar. Com o empate, o Leicester chega a 77 pontos, contra 69 do vice-líder Tottenham. Já o United fica com 60 pontos, na quinta posição.

Na próxima e penúltima rodada, o time de Claudio Ranieri recebe o Everton e, caso o Tottenham não tenha colaborado antes, terá nova chance de confirmar o título. Já o Manchester visita o Norwich e, ainda com um jogo atrasado, ainda luta por classificação para a Liga dos Campeões da Europa.

FICHA TÉCNICA – MANCHESTER UNITED 1 X 1 LEICESTER

Competição: Barclays Premier League – 36ª rodada
Local: Estádio Old Trafford, em Manchester (Inglaterra)
Data: domingo, 01/05/2016
Horário: 10h05 (horário de Brasília)
Árbitro: Michael Oliver (Inglaterra)

Cartões amarelos: Lingard, Carrick e Rooney (Manchester United); Drinkwater (Leicester)
Cartão vermelho: Drinkwater (Leicester)

GOLS
Manchester United: Martial, aos 8 do 1ºT
Leicester: Morgan, aos 17 do 1ºT

MANCHESTER UNITED: De Gea; Valencia, Smalling, Blind e Rojo; Carrick; Lingard, Fellaini (Herrera), Rooney e Martial; Rashford (Memphis). Técnico: Louis van Gaal.

LEICESTER: Schmeichel; Simpson, Huth, Morgan e Fuchs; Kanté, Drinkwater, Mahrez (King) e Schlupp (Albrighton); Okazaki (Gray) e Ulloa. Técnico: Claudio Ranieri.



Jornalista formado pelo Mackenzie (SP), pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Multimídias e pós-graduando em Assessoria de Comunicação e Mídias Sociais pela Anhembi Morumbi (SP). Apaixonado por esportes desde 1994.