Brasileiro testará Toro Rosso em Silverstone

Reprodução/Facebook Sergio Sette Câmara

Sergio Sette Câmara terá sua primeira oportunidade na Fórmula 1. O mineiro de 18 anos,que já pilota pela equipe de energéticos na Fórmula 3 europeia e integra o programa de jovens pilotos, testará pela Toro Rosso, no próximo dia 13 de julho, durante o segundo dia de treinos coletivos do meio de temporada, que acontecerá no circuito de Silverstone.  

LEIA MAIS: 

NICO ROSBERG COMEMORA 31 ANOS DE IDADE; VEJA ALGUMAS CURIOSIDADES SOBRE A CARREIRA DO PILOTO ALEMÃO

VEJA QUAIS SÃO OS DEZ PILOTOS COM MAIS VITÓRIAS NA FÓRMULA 1

O jovem piloto, que já esteve em Faenza, sede da equipe, para fazer os últimos ajustes em seu banco, declarou: ” Estou muito feliz e ansioso de testar com a STR. É uma grande oportunidade pela qual trabalhei duro. Gostaria de agradecer todos os envolvidos que tornaram isso possível, especialmente a Red Bull. Este é o meu primeiro teste oficial na F1 e garanto que farei o melhor trabalho possível, bem como me divertir – já que não é algo que acontece todo dia. Silverstone é uma pista incrível e que conheço bem, o que vai me ajudar a focar no carro e nas informações que terei de aprender, sem ter de decorar a pista ao mesmo tempo. Mal posso esperar para sair da garagem. Tenho certeza que será um momento inesquecível”. Sérgio Câmara já pilotou um carro de Fórmula 1, ano passado durante uma apresentação na cidade de Aragão, na Espanha.

Franz Tost, chefe da STR, já deu boas-vindas ao piloto brasileiro e destacou o programa de jovens pilotos da Red Bull, que já revelou nomes como: Sebastian Vettel, Daniel Ricciardo e Max Verstappen.

“Poder dar a jovens pilotos, principalmente aqueles do programa de jovens pilotos da RBR, um gostinho do que é a F1 se tornou parte do que a STR faz. Pessoalmente, eu acho fascinante vê-los se adaptar não só à maior potência, mas com a pressão aerodinâmica e frenagem de um carro de Fórmula 1, e também o comportamento deles durante o dia sob os holofotes da F1. É importante para terem uma visão do que é a vida na F1. Sendo assim, tenho o prazer de dar as boas-vindas ao Sérgio ao nosso time por um dia, e eu espero que seja uma experiência mutualmente valiosa”- afirmou o austríaco.