Após derrota, Bruno Rodrigo assume a culpa: “A responsabilidade é total minha”

Jogadores pré-contrato cruzeiro
Bruno Rodrigo tem feito temporada muito irregular - Divulgação

Nesta segunda-feira, Cruzeiro x Atlético-PR se enfrentaram no Mineirão pela 14ª rodada do Brasileirão e quem se deu bem foi a equipe do Sul do país que voltará para o Paraná com 3 pontos, já que venceu a Raposa por 3 a 0. Tudo ia bem para a Raposa até Bruno Rodrigo falhar e “entregar” o primeiro gol ao Furacão, ciente da falha, o zagueiro assumiu a culpa e isentou os seus companheiros que foram vaiados.

LEIA MAIS:
CRUZEIRO X ATLÉTICO-PR: ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS DO JOGO
SUPOSTA CAPA DE JORNAL CAUSA POLÊMICA COM TORCIDA DO CRUZEIRO “LAS MARIAS” DE BRASIL

A torcida do Cruzeiro estava empolgada, a partida contra o Atlético-PR marcava a estreia de Rafael Sobis, reforço mais que esperado. A Raposa começou bem, dominou o primeiro tempo, mas na segunda etapa foi surpreendida com os gols do Furacão.

O primeiro gol saiu em uma falha do zagueiro Bruno Rodrigo, quando o defensor tentou recuar a bola para o goleiro Fábio e não foi feliz, a bola se ofereceu para Pablo que não desperdiçou e abriu o placar. A partir desse momento, a Raposa se perdeu no jogo e 4 minutos depois levou o segundo gol.

A torcida não perdoou e vaiou alguns jogadores, principalmente os jovens Allano e Bruno Viana, porém, o zagueiro isentou seus companheiros e assumiu toda a culpa pela derrota. “Responsabilidade minha, não adianta vaiar o Allano, o Lucas e o próprio Bruno Viana. A responsabilidade é total minha. Eles estão aqui para ajudar, deram o melhor. Eu errei, o pessoal tentou avisar, mas infelizmente falhei. Não queria falhar, mas aconteceu. Se tiver que vaiar alguém, sou eu. A culpa é só minha”, afirmou.

Com o resultado, o Cruzeiro parou nos 15 pontos, próximo a zona de rebaixamento e na próxima rodada vai ao Rio de Janeiro enfrentar o Fluminense.

Assista a falha de Bruno Rodrigo, que resultou no primeiro gol do Atlético-PR:



Jornalista em formação. Fanático por esportes, principalmente futebol. Vivo em busca de desafios e oportunidades que a vida me proporciona.