Gustavo Villani: “Meu avô ensinou tudo sobre futebol: saber ganhar, perder, comemorar, xingar”

Crédito da foto: Reprodução\ Facebook oficial do Gustavo Villani

Gustavo Villani narrador do Fox Sports, que tem passagens pelos canais ESPN e pela Rádio Globo, concedeu ao Torcedores.com uma entrevista exclusiva, aonde ele falou de sua carreira, Futebol brasileiro, Olimpíadas e muito mais, vale a pena conferir!

Leia mais:

CASAGRANDE DIZ QUE DÁ RISADA QUANDO TORCEDORES XINGAM GALVÃO: “ACHO ENGRAÇADO”

CONHEÇA GUSTAVO VILLANI, NARRADOR DA FOX NAS OLIMPÍADAS

Gustavo Villani iniciou sua carreira de narrador na Rádio Globo no ano de 2008, depois passou para TV nos canais ESPN e em 2012 se transferiu para FOX Sports, por lá teve seu grande momento na carreira ao narrar a final da Copa do Mundo entre Alemanha e Argentina.

Confira a entrevista exclusiva:

Torcedores.com:

Gustavo o que te fez ser jornalista esportivo?

Gustavo Villani:

Meu avô, que me levava ao estádio do MAC(Marília Atlético Clube). E eu era o grande companheiro dele nos jogos do Corinthians, pelo rádio. Vivia no colo dele. Meu avô ensinou tudo sobre futebol: saber ganhar, perder, comemorar, xingar… Devo tudo a ele. Peguei gosto por causa dele.

Torcedores.com:

Para quem tem o sonho de ser jornalista esportivo, qual conselho você daria?

Gustavo Villani:

Faça com muito amor, porque emoção à parte o sacrifício é muito grande. Finais de semana, feriados… Vale a pena, desde que seja bem feito. Negócio de só querer ficar conhecido e tirar onda está por fora… Tem que ralar.

Torcedores.com:

Você já trabalhou na rádio e hoje esta na TV, é mais difícil trabalhar na rádio ou na televisão?

Gustavo Villani:

Não sei te responder… Foram fases distintas, cada uma com a importância devida. Não existe melhor ou pior… Tem que trabalhar bem, sempre.

Torcedores.com:

O que te fez trocar a Espn pelo Fox Sports?

Gustavo Villani:

Mais oportunidade: jogos, eventos… A Espn tinha uma equipe pronta de muitos anos, então optei por mudar para uma nova emissora, em que teria mais horizonte. Fiz bem, penso, ao me mudar para o Fox Sports. Eventos, direitos de transmissão, sempre vão pautar minha carreira, sempre que eu tiver opção. Narrar é o que eu mais gosto de fazer.

Torcedores.com:

Duas narrações suas me marcou muito, uma pela Rádio Globo no golaço do Neymar contra o Santo André que o Peixe ganhou por 2 a 1, e a partida antológica entre Liverpool e Borussia Dortmund pela Liga Europa que narrou na Fox, e para você quais narrações suas mais te marcou?

Gustavo Villani:

A primeira citada foi uma delas… Era minha primeira transmissão dentro de um estádio, aniversário do Neymar(17 anos), e ele fez um golaço. A segunda foi de longe a melhor transmissão da última temporada. A final da Copa do Mundo no Maracanã, a final da série A-2(XV de Piracicaba x Guarani, em 2011)… Tenho algumas transmissões especiais na memória!

Torcedores.com:

Muitos torcedores sugerem que o você narra os gols do São Paulo diferente, como uma vibração maior, o que tem a dizer sobre isso?

Gustavo Villani:

Nada… Estes serão os mesmos que me chamam ou vão me chamar de santista, gremista, cruzeirense… Eu narro futebol, gosto de futebol. E narro com emoção mesmo.

Torcedores.com:

Como foi trabalhar em uma Copa do Mundo? E o que você espera da Olimpíadas ?

Gustavo Villani:

A Copa é espetacular, sempre. Nesta Olimpíada, espero fazer o meu trabalho, da melhor maneira.

Torcedores.com:

As Olimpíadas no Rio 16 terá muitos canais mostrando, como está se preparando para essa concorrência pesada pela audiência nos Jogos Olímpicos?

Gustavo Villani:

Pelo que sei, vou narrar futebol masculino, feminino, e apresentar o Boa Tarde Fox, quando não estiver na escala da narração.

Torcedores.com:

O ouro inédito nas Olimpíadas do futebol masculino e feminino vai chegar?

Gustavo Villani:

Acredito que sim… Masculino, principalmente. Tem mais favoritismo.

Torcedores.com:

Gustavo por quais motivos que o futebol feminino não teme espaço no Brasil?

Gustavo Villani:

Falta de apoio da CBF, patrocinadores, público, imprensa. É um contexto geral, e a engrenagem precisa de todo mundo. Morei um ano na Austrália, e minhas amigas de colégio jogavam bem e bastante. No Canadá, EUA, Noruega também é assim… Existem muitos países à frente do Brasil, em termos de apoio.

Torcedores.com:

Como você viu o brasil tomar aquele 7 a 1 para Alemanha? E o Tite vai conseguir reerguer o futebol brasileiro?

Gustavo Villani:

Foi terrível… Muito chato, mas nada surpreendente se levarmos em conta o nível de quem comanda o futebol no Brasil. Tite é peça importante na reconstrução… A ver.

Torcedores.com:

O cargo chefe do Fox Sports é a Libertadores, e que motivos você acredita pelo qual o Brasil não tem sequer time na final pelo terceiro ano consecutivo?

Gustavo Villani:

Falta programação. Os clubes aqui se reciclam a cada semestre, trocam incessantemente de treinador… É uma pena. O Atlético Nacional atropelou o São Paulo na semifinal da Libertadores, e tem apenas 25% do orçamento do clube brasileiro…

Torcedores.com:

Qual competição ainda não narrou e ainda tem o sonho de narrar?

Gustavo Villani:

Medalha de ouro inédita no futebol, final de Champions, final de Libertadores(com brasileiro em campo), final dos 100mts rasos em Olimpíada… Enfim, falta muito. Quero me preparar para narrar os maiores eventos. E preciso de oportunidade, claro.

Torcedores.com:

O Fox Sports perdeu os direitos da Premier League como você viu essa situação?

Gustavo Villani:

Se perdeu mesmo, lamento. É o maior campeonato nacional do planeta. Mais dinheiro, jogadores, técnica, futebol em alto nível.

Torcedores.com:

Gustavo você interage muitos com os torcedores no Twitter, acredita que é uma forma direta de saber o que as pessoas pensam do seu trabalho?

Gustavo Villani:

Não… É apenas um termômetro. Cada vez mais importante(rede social em geral), mas apenas uma referência. Eu me preocupo mesmo com o que devo fazer.

Torcedores.com:

É mais desafiador fazer um jogo ou competição com vários canais mostrando, ou quando é de forma exclusiva?

Gustavo Villani:

Para mim, muda nada.

Torcedores.com:

Quais narradores você se espelha?

Gustavo Villani:

Luciano do Valle, Galvão Bueno, Osmar Santos, José Silvério, enfim, nos bons.

Torcedores.com:

Valeu pela entrevista Gustavo Villani, e sucesso na cobertura das Olimpíadas.

Gustavo Villani:

Eu que agradeço o espaço… Valeu!

Crédito da foto: Reprodução\ Facebook oficial do Gustavo Villani



Estudante de Jornalismo. Setorista no Torcedores.com do Santos e Botafogo.