INDY: Depois de muita disputa, Pagenaud supera Power e vence em Mid-Ohio

Foto: Reprodução/Facebook Simon Pagenaud - oficial

Depois de seis etapas, Simon Pagenaud, voltou a vencer na Fórmula Indy e freou o avanço de Will Power na disputa do título da temporada. Os companheiros de Penske chegaram a se tocar com o francês levando a melhor. Tony Kanaan com uma corrida mediana, pois era o que a Ganassi podia lhe oferecer terminou em 12° e  Helio Castroneves que se envolveu em um toque com Scott Dixon no começo da disputa e depois deu uma escapada em uma tentiva de ultrapassagem fechou a disputa apenas em 15° lugar.

A vitória de Pagenaud antes das “férias” da Fórmula Indy deixa mais do que evidente que será extremamente difícil tirar o título do piloto do carro #22 nessa temporada. Simon Pagenaud chega a 484 pontos  e abre 58 sobre Will Power que agora soma 426. Helio Castroneves é o terceiro na classificação com 373. Josef Newgarden é o quarto com 364 e Scott Dixon e Tony Kanaan aparecem empatados na  quinta colocação com 357. A próxima etapa da categoria americana acontece no dia 21 de agosto, em Pocono.

LEIA TAMBÉM: TRUCK: PAULO SALUSTIANO VENCE EM INTERLAGOS

 

Como foi a corrida

A etapa de Mid-Ohio começou tranquila para Simon Pagenaud, que viu Will Power quase ser engolido pelo pelotão, mas o piloto do carro #12 conseguiu se utilizar bem na potencia de sua Penske e se segurou na segunda posição. Newgarden se manteve na terceira colocação. Castroneves perdeu duas colocações e Kanaan ganhou três passando a ocupar nono e 11° lugares respectivamente.

Já na 10° volta, Kanaan foi para cima de Rossi e o brasileiro chegou a fica lado a lado com o americano, mas a tangencia da curva era para a direita o que favoreceu o carro #98 de Alexander Rossi, nessa quase que o brasileiro foi ultrapassado por Scott Dixon.

Na 15° volta, Dixon que havia parado  a poucas voltas acabou por se tocar com Helio Castroneves. O piloto #9 da Ganassi foi para a manobra sobre o brasileiro que seguiu na sua tangência para direita onde houve o toque  e nessa Dixon ficou pelo caminho. Bandeira amarela na disputa em Mid-Ohio. A bandeira amarela fez com que a maioria dos pilotos fossem para os pits, contudo Montoya ficou na pista e assumiu a ponta. Castroneves que já havia parado subiu para o quinto lugar.

Na relargada, Montoya e Andretti se mantiveram a frente e Castroneves que tentou a ultrapassagem sobre Chilton passou direto na curva. Newgarden foi outro que perdeu tempo. Com sua asa traseira danificada o carro #21 perdeu tempo demais nos boxes. Castroneves também foi obrigado a parar e trocar a asa traseira de sua Penske.

Após 27 voltas, Montoya fez  a sua primeira parada, juntamente com Andretti que também ainda não havia parado e nesse momento, Aleshin  ocupava a primeira colocação. Tony Kanaan andava nessa altura em 11° e Helio Castroneves seguia em 21°.

A corrida passou a ficar monótona e somente a partir da 36 volta quando os carros voltaram a fazer paradas nos pits. As posições até esse momento não sofreram alterações.

Com 40 voltas completas, Aleshin  foi para os pits e a liderança voltou as mãos de Simon Pagenaud com Will Power em segundo e Ryan Hunter-Reay em terceiro. Duas voltas a frente, o francês  fez a sua parada e acabou voltando na disputa direta com Carlos Muñoz, quase se tocando.

Na 45° volta, Will Power fez a sua parada e conseguiu voltar a frente de Simon Pagenaud, mudando o panorama da corrida. A liderança nesse momento era novamente de Aleshin com Power em segundo e Power em terceiro com uma diferença de menos de um segundo entre eles.

E para surpresa de muitos, na 60° volta, Scott Dixon voltou a pista em Mid-Ohio. Na volta seguinte Jack Hawksworth foi de encontro ao muro após ultrapassar Marco Andretti, bandeira amarela acionada na disputa. Diversos carros foram para os boxes e Aleshin e Newgarden acabaram por bater dentro dos pits. Complicada a situação do russo que vinha na liderança.

A relargada aconteceu na 66° volta, Power e Pagenaud se tocaram algumas vez  até que o francês deixou o companheiro de  equipe para trás e assumiu o segundo posto logo atrás de Daly que ocupava a primeira colocação.

Após 73 voltas, Daly seguia na ponta, Pagenaud em segundo, Power em terceiro, Muñoz em quarto, Sato em quinto. Tony Kanaan ocupava nesse momento a 10° colocação e Helio Castroneves que voltou a mesma volta dos lideres era o 17°.

Com 83 voltas, Castorneves fez a ultrapassagem sobre Hunter-Reay e assumiu o 16° lugar enquanto Kanaan estava em 12°. A liderança era de Conor Daly até que foi para os pits na 84° volta.

Com 86 voltas, Pagenaud voltou a ponta com Power em segundo, Muñoz em terceiro, Bourdais em quarto e Sato em quinto e justamente nessa disputa entre Sato e Bourdais ambos foram para fora da pista, mas o japonês conseguiu voltar, já o francês deu adeus a disputa.

E após 90 voltas, muita disputa com Will Power, Simon Pagenud voltou a vencer na categoria, quarto triunfo neste ano. Festa francesa em Mid Ohio. Will Power em segundo, Carlos Muñoz em terceiro, Graham Rahal em quarto, James Hinchcliffe em quinto. Tony Kanaan teminou em 12° e Helio Castroneves em 15° lugar.