Mercado da bola: Grêmio acerta a contratação de Kannemann

Foto: Divulgação/Site oficial do Atlas

A novela envolvendo a contratação do zagueiro Walter Kannemann, enfim, acabou. E com final feliz para o Grêmio, que recebeu no final da noite da última quinta-feira a documentação que faltava para o acordo ser selado. O jogador que estava no Atlas é aguardado neste sábado em Porto Alegre para a realização de exames médicos. Em seguida, ele vai assinar o contrato até dezembro de 2019.

LEIA MAIS:
Walace é convocado para as Olimpíadas e desfalca o Grêmio por até seis rodadas 
Com duas novidades, Roger Machado esboça o Grêmio contra o Sport

Zagueiro de origem, Kannemann, 25 anos, também pode atuar como lateral-esquerdo já que Marcelo Hermes, reserva de Marcelo Oliveira, foi rebaixado para o grupo de transição devido a divergências pela renovação contratual. O Tricolor também tentou a contratação do lateral-esquerdo Emmanuel Mas, mas não obteve êxito nas negociações com o San Lorenzo.

No início da semana, o time gaúcho quase encerrou as negociações para ter Kannemann devido a divergências salariais. O representante do atleta, Martín Wainbuch desejava que salário fosse pago com câmbio variável em dólar. Dessa forma, os vencimentos do zagueiro aumentariam caso o dólar se valorizasse em relação ao real. Irritada, a direção bateu o pé e não aceitou a pedida. Wainbuch voltou atrás e Kannemann receberá em reais, cerca de R$ 100 mil mensais, de acordo com o Zero Hora.

O Grêmio pagará 1 milhão de dólares (R$ 3,2 milhões) ao Atlas, em quatro parcelas.

O Tricolor vai ter que agilizar toda documentação para a regularização do jogador na CBF já que a janela de transferências internacionais fecha no próximo dia 19 de julho (terça-feira).



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)