Não foi falta? Ederson tem lesão séria no joelho e desfalca Flamengo no Brasileirão

Se a comissão técnica do Flamengo e os jogadores reclamaram bastante da atuação do árbitro Heber Roberto Lopes, que ignorou uma entrada dura do lateral Fagner, do Corinthians, em Ederson em jogo no último domingo, o departamento médico rubro-negro confirmou o que todos suspeitavam. O camisa 10 do Urubu teve constatada uma lesão óssea na região do joelho direito e ficará até um mês fora dos gramados.

LEIA TAMBÉM:
Mercado da bola: Rosario Central libera e Donatti deve ser anunciado nesta terça pelo Flamengo
Pode acreditar: Guerrero tem mais cartões do que gols pelo Flamengo
Brasileirão: veja como Flamengo irá terminar a rodada na classificação
Hostilizado pela Fiel, Guerrero deixa Itaquera sem dar entrevistas

A entrada de Fagner sequer foi marcada como falta por Heber, o que rendeu muita reclamação por parte do técnico Zé Ricardo à beira do campo. O juiz, então, expulsou diretamente o treinador, causando indignação pelo lado do clube carioca, que entrará com representação junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Quem também reclamou publicamente da atuação do juiz foi Rodrigo Caetano. O diretor-executivo do Flamengo, revelou um bate-boca que teve com Heber na saída para o intervalo e também sobre o lance que “poderia ter rendido uma contusão mais séria”, parecendo prever a gravidade do problema de Ederson.

Agora Zé Ricardo e a comissão rubro-negra terá que se virar sem o camisa 10. Uma boa opção para a partida contra o Atlético-MG, no próximo domingo, pelo Campeonato Brasileiro, é o argentino Mancuello, contratação mais cara do clube em 2016, mas que vem amargando o banco de reservas nos últimos jogos.



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.