Pode acreditar: WTorre estuda colocar grama sintética na arena do Palmeiras

Getty Images

Uma das principais reclamações do Palmeiras com a WTorre, construtora responsável pelo Allianz Parque, na realização de eventos em sua arena é a condição do gramado. Segundo o jornal “O Estado de S.Paulo”, uma solução pode vir com base no que outro grande clube brasileiro já fez recentemente. A WTorre estuda a possibilidade de trocar o gramado por grama sintética, após ver o retorno positivo que o Atlético-PR teve com a mudança.

LEIA TAMBÉM:
Mercado da bola: Paulo Nobre fala sobre possível venda de Gabriel Jesus pelo Palmeiras
Mercado da bola: Palmeiras não vai contratar meia Guerra, do Atlético Nacional (COL); entenda
Sem notificação do TJD-SP, Palmeiras pode contar com Alecsandro contra Internacional

A reportagem apurou que a construtora conversou com a World Sports, empresa responsável pela administração da grama do Allianz e juntos fizeram um levantamento sobre as vantagens e desvantagens do gramado sintético. Atletas também foram ouvidos – disseram que “a bola fica mais rápida”, o terreno mais nivelado e facilita o passe.

A WTorre confirmou que chegou a fazer um levantamento sobre a possibilidade de trocar o gramado, mas por enquanto, não pretende fazer a alteração. O Palmeiras não quis se manifestar sobre o caso.

Sede de shows e compromissos dos mais variados tipos, o Allianz Parque já sofreu com a manutenção do campo. No ano passado, inclusive, jogadores do Verdão e até da seleção brasileira chegaram a reclamar das condições do local. Em 2016, por causa desses compromissos “extra-campo” da arena, o Palmeiras já teve de atuar cinco vezes no Pacaembu.

O Allianz está fechado para jogos nesta quinta-feira até terça-feira, pois recebe uma etapa do “888Poker”, torneio de poker que contará, inclusive, com a presença de jogadores do Palmeiras, como Alecsandro, Vitor Hugo, Moisés, Rodrigo, Vinicius e Fábio. Para os próximos meses, o estádio do Verdão está confirmado como palco de shows do cantor Andrea Bocelli (dias 12 e 13/10), da banda Aerosmith (15/10) e da cantora Mariah Carey (1/11).



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.