Relembre 5 momentos marcantes do Corinthians na Libertadores 2012

Daniel Augusto Jr - Agência Corinthians

Neste dia 4 de julho, o Corinthians comemora 4 anos da conquista do título da Libertadores da América. Uma campanha irretocável, destacando a solidez defensiva e a frieza nos momentos de conclusão de jogadas.

Um time que não teve apenas um jogador decisivo, mas sim vários, como Sheik, Danilo, Cássio, Ralf, Paulinho, Alessandro, enfim, um coletivo muito bem comandado pelo técnico Tite, que despontava como melhor treinador do Brasil.

Neste especial o Torcedores.com apresenta os 5 momentos marcantes desta campanha, ressaltando a importância do coletivo mais uma vez, afinal, muitos jogadores apareceram em momentos de decisão.

Defesa de Cássio – Corinthians 1×0 Vasco (Jogo de volta – Quartas de final)

Lance mais lembrado como decisivo para a conquista, Cássio realizou um milagre, desviando o chute de Diego Souza, nas quartas de final, contra o Vasco.

Gol de Romarinho – Boca Juniors 1×1 Corinthias (Jogo de ida da final)

Romarinho entrou no fim da partida de ida pela final da Libertadores contra o Boca Juniors em plena La Bombonera e com um belo toque sobre o goleiro adversário, garantiu o empate que deu a tranquilidade para o Corinthians decidir o título em casa.

Gol de Danilo – Corinthians 1×1 Santos (Semifinal, jogo de volta)

Danilo garantiu a vaga do Corinthians, quando a equipe mais se viu em desvantagem na Libertadores 2012, contra o Santos, quando perdia por 1 a 0.

Gol de Paulinho – Corinthians 1×0 Vasco (Quartas de final, jogo de volta)

Se a defesa de Cássio foi decisiva, ainda faltava um gol em favor do Timão. Ele veio só aos 42 do segundo tempo, com Paulinho, um dos melhores jogadores da equipe na competição.

Gol de Sheik – Corinthians 2×0 Boca Junior (Final, jogo de volta)

Em duas jogadas, Sheik garantiu a Libertadores 2012 para o Corinthians, sendo a primeira em um belo chute.