São Paulo: Maicon é suspenso pela Conmebol após expulsão contra o Atlético Nacional

Maicon
Rubens Chiri/saopaulofc.net - Maicon

O zagueiro Maicon, do São Paulo, foi julgado pela expulsão diante do Atlético Nacional (COL), semana passada, pela primeira partida da semifinal da Copa Libertadores da América. Após o julgamento, a Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) deu três jogos de suspensão ao camisa 27 são-paulino, que serão cumpridos em competições continentais.

VEJA MAIS
SÃO PAULO: PH GANSO PODE ADIAR IDA AO SEVILLA PELA LIBERTADORES; ENTENDA
5 MOTIVOS PARA ACREDITAR QUE O SÃO PAULO ELIMINARÁ O ATLÉTICO NACIONAL
DIRETOR DO SEVILLA SE DIZ OTIMISTA PARA FECHAR COM O SÃO-PAULINO GANSO

O clube prometeu recorrer da decisão, mesmo já eliminado do principal torneio sul-americano. A punição de mais duas partidas terá de ser cumprida na próxima disputa organizada pela entidade em que o Tricolor estiver participando.

Relembre a expulsão

O beque tricolor levou cartão vermelho do árbitro Mauro Vigliano depois de dar um pequeno empurrão por trás na cabeça do centroavante Borja, da equipe colombiana. O adversário logo foi ao chão e, de cara, o juiz expulsou Maicon, que justificou que não houve nenhum tipo de agressão.

Depois do fato, o São Paulo levou dois gols e perdeu o duelo por 2 a 0, no Morumbi, e teve a situação complicada para o confronto da volta, em Medellín (COL), onde também foi derrotado, dessa vez por 2 a 1, com a arbitragem novamente no centro das polêmicas.

Aproveite e responda a enquete: quem é o culpado pela eliminação tricolor na Libertadores? Deixe seu voto!



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Foi repórter colaborador e hoje é líder da comunidade de colaboradores juniores, plenos e seniores no site Torcedores.com.