William prevê dificuldades do Inter em marcar Gabriel Jesus: “Difícil parar”

Celso Roth
Ricardo Duarte / Internacional

Os 10 gols no Brasileirão e o constante assédio de clubes da Europa fazem de Gabriel Jesus um dos jogadores mais badalados do momento. Os adversários do Palmeiras, cientes da boa fase do jovem atacante, sabem que precisam ter atenção dobrada para não serem surpreendidos pelo artilheiro do campeonato.

LEIA MAIS:

Confira as principais respostas de Falcão em sua apresentação no Inter

Título, Peñarol e queda: relembre a última passagem de Falcão pelo Inter

Nesta quinta-feira, o lateral colorado William falou sobre os perigos que o palmeirense oferece, mas relembrou que o Verdão “não é só ele”.

“É difícil parar o Gabriel Jesus, sabemos da qualidade dele, mas o Palmeiras não é só ele. Vamos fazer nosso trabalho e conquistar o três pontos”, disse William, que se despede do Inter já na segunda-feira para defender a seleção olímpica do Brasil, onde será, inclusive, companheiro de Gabriel Jesus.

O lateral-direito concedeu entrevista coletiva no Beira-Rio e projetou o confronto de domingo entre Inter e Palmeiras, marcado para às 16h. Enquanto o alviverde buscará quebrar um jejum que já dura quase 20 anos, os gaúchos querem fazer as pazes com a vitória – são seis rodadas sem saber o que é vencer. O jogo também marcará a estreia do técnico Paulo Roberto Falcão, que comandará o Inter pela terceira vez na carreira. Para William, a simples presença de Falcão colabora com o ambiente.

“O Falcão muda o ambiente junto ao torcedor, mas a principal mudança tem que ser dentro de campo. É muito bom ser treinador por um ídolo. Estamos memorizando algumas jogadas. Ele está passando a filosofia de trabalho dele”, comentou William sobre o início de trabalho de Falcão.

 

 



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.