Após eliminação precoce, Sheilla anuncia aposentadoria da seleção de vôlei

Sheilla
Reprodução

Bicampeã olímpica, Sheilla anunciou a sua aposentadoria da seleção brasileira de vôlei feminino na madrugada desta quarta-feira (17). Após a derrota para a China por 3 sets a 2, as brasileiras foram eliminadas nas quartas de final, marcando a pior campanha do time desde 1984, quando foi sétima colocada. Com 33 anos, a oposta acumula títulos coletivos e individuais, entre eles o de MVP das finais dos Jogos Olímpicos de Pequim.

LEIA MAIS

Brasileiros pedem o “cancelamento do dia” na web após eliminação da seleção feminina no vôlei

“Foi minha despedida. Não queria sair desse jeito. Queria estar na final para buscar o tri olímpico. É um momento muito triste para mim, não era o que eu queria, mas é assim”, declarou para o Fox Sports.

A jogadora brasileira ainda falou sobre abrir espaço para as jovens e disse que foi ideia de Zé Roberto voltar a seleção após 2010, quando havia decidido parar.

“Em  2010, eu já tinha decidido sair. O Zé pediu para eu ficar até 2012, valeu muito a pena, mas infelizmente não deu. Estou aqui há 14 anos, consegui várias coisas pelo Brasil, ter satisfações pessoais, proporcionar coisas para minha família. Para mim, deu. Precisam surgir outras jogadores para minha posição, isso vai ser forçado”, completou para o SporTV.