Brasil é bronze após desclassificação de atleta russa na Olimpíada de 2008

O Comitê Olímpico Internacional (COI) confirmou, através de seu site oficial, a desqualificação da Rússia em uma prova do atletismo, após casos de escândalo no doping. Com isso, o Brasil fica com o bronze no 4x100m de Pequim.

LEIA MAIS

APRESENTADORA ELLEN DEGENERES É ACUSADA DE RACISMO EM IMAGEM COM BOLT
CBF DECLARA LUTO OFICIAL DE 7 DIAS PELA MORTE DE JOÃO HAVELANGE

A notícia foi publicada na noite desta terça-feira (16), no site oficial do COI. Em nota, o Comitê anuncia a desclassificação, por teste positivo no antidoping, da russa Chermoshanskaya, que fazia parte da equipe de revezamento 4x100m nas Olimpíadas de 2008, em Pequim.

Na ocasião, a Rússia terminou a prova na primeira colocação, conquistando, assim, o ouro na modalidade. Com a confirmação do caso de doping, os medalhistas terão de devolver suas medalhas.

O novo pódio será formado com a Bélgica na primeira colocação, a Nigéria fica com a prata e o Brasil aparece com o bronze. A equipe verde-amarela do 4x100m contava com Rosemar Coelho Neto, Lucimar de Moura, Thaissa Presti e Rosângela Santos.

Créditos da foto: Reprodução / Site oficial do COI