Britânico mostra que comemorar antes da hora não é uma boa em Olimpíada; assista

Reprodução/SporTV

No esporte, você já deve ter ouvido falar do seguinte ditado: “o jogo só acaba com o apito final do árbitro”. Na prova de salto em altura nas Olimpíadas do Rio, não há juiz, é verdade, mas isso não quer dizer que o espírito da frase acima não procede. Veja o caso do britânico Robert Grabarz, por exemplo.

LEIA TAMBÉM:
Repórter inventou fala sobre candomblé de técnico francês para vitória de Thiago Braz
Vai, Brasil! Veja em quais modalidades o país ainda pode conquistar o ouro no Rio 2016

Na tentativa de superar barreira dos 2,33m, o medalhista de bronze nos Jogos de Londres saltou, mas acabou tocando bem de leve o obstáculo. De primeira, o sarrafo não caiu e Grabarz já comemorava, só que… ah, o ditado! Quem comemora antes da hora, dá sopa para o azar.

Até o narrador Milton Leite, do SporTV, que conduzia a prova do salto em altura, tirou sarro de Grabarz.

Assista:



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.