Opinião: Cartola FC tem que acabar pelo bem do futebol

Cartola FC
Crédito da foto: Divulgação

O Cartola FC é o Fantasy Game mais popular no Brasil, no qual as pessoas montam seus times com jogadores de futebol da vida real e buscam fazer mais pontos para ficar melhor posicionado no ranking nacional, entre amigos ou por clubes de coração.

LEIA MAIS:

Na luta contra o câncer, garoto de 5 anos é “contratado” pelo Sporting

O Cartola FC conta com pelo menos 3 milhões de jogadores pelo Brasil que buscam a famosa “mitada” para pode zoar os seus amigos que não foram tão bem na rodada do Campeonato Brasileiro, porém algumas pessoas estão focando em pontuar bem e estão tirando a essência do futebol.

Não é muito difícil de encontrar alguém em um grupo de futebol no Whatsapp ou até mesmo pelo seu perfil no Twitter que acaba torcendo para um rival direto do seu próprio time na briga do Brasileirão – seja pela liderança, por posição no meio de tabela ou no Z4.

Clubes e jogadores já mostraram-se insatisfeitos com a cobrança por conta do Cartola FC, e chegaram a ser um pouco grossos com os torcedores. Em um caso mais recente, o lateral Jorge do Flamengo sentiu um desconforto e não foi relacionado pera a partida. Ao comunicar o ocorrido pelo Twitter Oficial, o clube carioca foi questionado sobre como ficaria a pontuação de um dos torcedores e logo respondeu:

Não só nas redes sociais que é possível você ver casos desse tipo. As pessoas que costumar a ir assistir jogos aos estádios com certeza já se depararam com torcedores que no meio da partida abrem o aplicativo do Cartola FC para acompanhar a média parcial da sua equipe.

Seria bom se cada torcedor se perguntasse em casa: O que seria mais legal, fazer 100 pontos no Cartola ou comemorar um título do meu time de coração?  Se a resposta for “Fazer 100 pontos”, o Cartola FC tem que acabar pelo bem do futebol.

Cartola FC
Divulgação / Cartola FC