Jogos Olímpicos: Brasil bate Nigéria, e “seca” Espanha por vaga nas quartas de final

Nenê foi o principal jogador da partida desta segunda-feira. (Foto: divulgação)

A Seleção Brasileira Masculina de Basquete segue viva nos Jogos Oímpicos do Rio de Janeiro. Na tarde desta segunda-feira (15), o time obteve sua segunda vitória na competição, ao bater a Nigéria por 86 a 69, em partida realizada na Arena Carioca 1, que fechou a participação das duas equipes na primeira fase do torneio olímpico.

A partida teve uma ótima atuação de Nenê, que marcou 19 pontos, pegou sete rebotes, e assistiu os companheiros em quatro oportunidades. Vitor Benite, com 15 pontos, Alex, com 13, Marcelinho Huertas, com 12, e Rafael Hettsheimeir, com 12, foram outros destaques.

No lado nigeriano, Josh Akognon foi o maior pontuador, com 16 pontos, enquanto Alade Aminu recuperou sete rebotes. Outro bom nome da equipe africana no confronto foi Ben Usoh, dono de 15 pontos ao longo da partida desta tarde.

O Brasil espera agora pelo jogo entre Espanha e Argentina, que acontece a partir das 19h, e precisa que a equipe sul-americana vença o confronto para avançar às quartas de final. Caso se classifique, o time de brasileiro encara a temida equipe dos Estados Unidos. A Nigéria está eliminada do torneio olímpico.

Confira como foi a partida

A partida começou bastante nervosa, com muitos erros das duas equipes. A Nigéria se aproveitou para tomar a liderança do placar, chegando a abrir cinco pontos, mas viu os brasileiros conseguirem se aproximar do placar, terminando os dez minutos iniciais da partida apenas um ponto atrás da equipe africana, com 16 a 15.

Após a manutenção do equilíbrio no início do segundo quarto, com as duas equipes trocando a liderança do placar, o Brasil se valeu das bolas de três pontos de Rafael Hettsheimeirr e de Vitor Benite para virar o marcador e se distanciar dos nigerianos, em uma parcial que terminou com os brasileiros vencendo por 42 a 31.

Os africanos buscaram diminuir a vantagem brasileira no terceiro período, mas com Nenê inspiradíssimo, acertando inclusive um arremesso de três pontos, os donos da casa abriram 13 pontos. Na parte final do quarto, a Nigéria começou a descontar a diferença, e foi para o último período do jogo perdendo por sete pontos.

Os nigerianos começaram a última parcial encostando de vez no Brasil no placar, graças a mais um arremesso de três pontos de Akognon. Mas o time liderado por Rubén Magnano se recuperou, e com um verdadeiro show de Nenê, o time garantiu a vitória, e agora espera por uma vitória da Argentina sobre a Espanha para avançar a rodada de quartas de final.

Foto: divulgação



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.