Cruzeiro: Justiça veta pedido de Riascos para atuar em outro clube

Riascos
Foto: Reprodução do Facebook de Duvier Riascos

Riascos pediu na Justiça, o direito de atuar por outro clube. O jogador está sem jogar desde julho e tem contrato com o Cruzeiro até o final de 2017.

LEIA MAIS:
CRUZEIRO: JUDIVAN É INTERNADO COM TROMBOEMBOLISMO PULMONAR
OPINIÃO: ERA MUITO DIFÍCIL DAR CERTO, MANO MENEZES

Afastado do Cruzeiro desde que fez polêmicas declarações ao clube, Riascos tenta na justiça o direito de jogar em outro lugar, mas nesta terça-feira, conheceu sua primeira derrota.

Segundo a informação do SuperEsporte, a equipe celeste ainda não foi notificada, mas a solicitação feita por Riascos através de liminar foi negada pela Justiça.

Riascos tem contrato com o Cruzeiro até dezembro de 2017 e é aguardado pelo clube para retomar os treinamentos, mesmo após as declarações que ocasionaram todo o imbróglio. O jogador por sua vez, alega que não possui mais condições para morar e trabalhar em Belo Horizontes após ter recebido uma série de ameaças.

A confusão entre o jogador e o Maior de Minas começou após a partida contra o Fluminense em que o time celeste sofreu derrota no Brasileirão. Na ocasião, o colombiano disse:

“Para mim não está normal, não estou feliz com o que está acontecendo. Tem que procurar uma solução. Não dá para tirar a minha felicidade para jogar nesta m…”

Riascos foi imediatamente afastado e está desde então sem atuar mesmo após inúmeras especulações de sua ida para outros clubes e inclusive um possível retorno ao Vasco.