Destaque do Palmeiras, Tchê Tchê afirma: “nunca fui lateral”

Palmeiras
Foto: Cesar Greco/Palmeiras

Se você quer um jogador que faça várias funções no seu time, podendo mudar sem problemas no decorrer da partida, Tchê Tchê é uma ótima opção. O camisa 32 do Palmeiras já jogou de lateral direito, lateral esquerdo, primeiro volante, segundo volante, meia aberto pela direita e esquerda. Um faz tudo no líder do Brasileirão.

O jogador foi contratado do Audax após uma grande campanha no Campeonato Paulista, no qual o clube terminou como vice-campeão. Ele atraiu os olhares do Palmeiras e do Corinthians e acertou com o Verdão.

Com Cuca no comando, Tchê Tchê logo em sua primeira partida, contra o Atlético PR no Allianz Parque, demonstrou que seria útil ao Palestra fazendo funções distintas. Trocou com Jean de posição durante o jogo todo, aparecendo hora na lateral, hora como volante.

Quando contratado, foi anunciado como lateral direito, que iria jogar na posição e fazer Jean voltar para o meio de campo, onde prefere atuar. Mas em entrevista à revista Palmeiras, o polivalente jogador revelou que não tem muito gosto pela lateral direita:

“Na verdade, nunca fui lateral. Pelo Audax, só jogava com a número 2. Sou um meio-campista.”

O atleta revelou que no começo da carreira jogava no meio de campo, fazendo muitos gols. Mas hoje perdeu o cacoete de balanças as redes e se cobra para voltar a marcar: “é engraçado, pois quando eu era pequeno, fazia bastante gol. Hoje em dia está em falta. Tenho de reencontrar o caminho das redes. Comecei como atacante, fui recuando e estou onde estou”, disse à revista. Tchê Tchê ainda não fez nenhum gol com a camisa do Palmeiras. O último gol dele foi na semifinal do Paulista contra o Corinthians, quando ainda era jogador do Audax.



Jornalista formado pela FIAM-FAAM. Setorista do Internacional e do Fluminense no Torcedores.com. Também escreve sobre o Palmeiras no site. Contato: mohamed.nassif12@hotmail.com