Ex-presidente do Santos, Laor morre aos 73 anos em São Paulo

Ricardo Saibun/Santos FC

O Santos perdeu um de seus personagens mais vitoriosos e controversos de sua história. Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro, o Laor, ex-presidente do Peixe entre 2009 e 2014, faleceu na madrugada desta terça-feira (16) no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, por complicações ligadas a um tumor maligno no reto. Ele tinha 73 anos de idade.

LEIA MAIS

CONHEÇA THIAGO BRAZ, CAMPEÃO OLÍMPICO NO SALTO COM VARA

O jornalista Ademir Quintino publicou a informação do falecimento do ex-dirigente santista em seu blog e também em seu perfil no Twitter.

Laor, como era conhecido, assumiu a presidência do Alvinegro em 2009 e presidiu o time na montagem do time que viria a ser campeão da Libertadores da América em 2011, da Copa do Brasil em 2012 e tricampeão do Paulistão entre 2010 e 2012. Foi durante seu período como mandatário do Santos que jogadores como Ganso e Neymar explodiram para o futebol sendo lançados pelo Peixe,

Seus últimos anos de mandato foram marcados por times competitivos mas por polêmicas, principalmente a envolvendo a venda de Neymar para o Barcelona, na qual teve atritos com o pai do jogador, Neymar Santos, chegando a dizer que o dinheiro da negociação havia pago ‘orgias e prostitutas’.

Para se tratar de problemas cardíacos, Laor deixou a presidência do Santos em 2014, abrindo lugar para o atual mandatário Modesto Roma Júnior. Desde então, vinha alternando períodos no hospital com palestras e um livro contando sobre sua passagem pelo Peixe.

Informações sobre o funeral do ex-presidente santista e o enterro não foram reveladas ainda à imprensa.



Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo pareciod.