Olimpíadas: após ouro de Thiago Braz, Fabiana Murer é eliminada do salto com vara

Fabiana Murer é eliminada das Olimpíadas do Rio 2016
Crédito da foto: Reprodução/TV

Menos de 12 horas do inédito ouro de Thiago Braz no salto com vara nas Olimpíadas do Rio 2016, a brasileira Fabiana Murer não teve a mesma sorte do compatriota e acabou eliminada da competição feminina ainda na fase classificatória, realizada na manhã desta terça-feira (16), no Estádio Olímpico do Engenhão.

VEJA MAIS
OLIMPÍADAS: ASSISTA AO SALTO DE THIAGO BRAZ QUE DEU A INÉDITA MEDALHA DE OURO PARA O BRASIL
THIAGO BRAZ É DESTAQUE NA IMPRENSA INTERNACIONAL: “HERÓI NACIONAL”
CRIADO NO JAPÃO, ATLETA BRASILEIRO ADMITE: “NÃO TENHO NENHUMA CONEXÃO COM O BRASIL”

Com a melhor marca da carreira obtida no Troféu Brasil deste ano, 4,87m, a torcida esperava que um resultado parecido acontecesse. Clima favorável teve, mas a forma física não ajudou, a hérnia cervical anunciada pouco antes dos Jogos atrapalhou e ela falhou nas três tentativas de saltar 4,55m. Após a prova, na zona mista, Murer confirmou que foi sua última Olimpíada disputada na carreira.

“Sim, é a minha última Olimpíada, meu último ano mesmo. Fico contente (pela minha carreira), fiz o salto com vara aparecer. Vim e tentei fazer o meu máximo. Bati meu recorde sul-americano nesse ano. Sei que fiz uma carreira muito boa. Queria agradecer a todos. Muitos me deram força quando souberam da minha hérnia. Agradeço a todos da parte médica que estiveram comigo”, declarou, emocionada.

Em três Olimpíadas disputadas, a atleta sai sem nenhuma medalha conquistada.



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.