Poliana Okimoto: “Desacreditaram em mim, mas eu dei a volta por cima”

Poliana Okimoto (à direita) comemora medalha de bronze na Maratona Aquática da Olimpíada do Rio de Janeiro. (Foto: Getty Images)

Sempre entre as primeiras colocadas na prova da Maratona Aquática disputada na manhã desta segunda-feira (15) na Olimpíada do Rio de Janeiro, Poliana Okimoto terminou a prova, disputada na praia de Copacabana, na quarta colocação, mas foi beneficiada pela desclassificação da francesa Aurelie Muller, que atrapalhou a italiana Rachelle Bruni no pórtico de chegada, fazendo com que a brasileira avançasse ao terceiro lugar, garantindo a primeira medalha de uma mulher na natação em Jogos Olímpicos.

LEIA MAIS:
Poliana Okimoto é bronze após desclassificação. Holandesa vence
Ana Marcela desabafa após décimo lugar: “Não foi digno de alguém três vezes campeã mundial

Ao saber da desclassificação da representante francesa, Poliana ficou visivelmente emocionada. Considerada favorita nos Jogos de Londres, onde abandonou a prova por conta de uma hipotermia, a veterana de 33 anos não era considerada a principal esperança de medalhas do Brasil na prova, que contou também com Ana Marcela Cunha.

“Estou muito emocionada. Eu merecia muito essa medalha, me esforcei muito. Nunca treinei tanto na minha vida como neste ano. Meu psicológico, minha nutrição, meu treino foi muito bom. Eu imaginava ganhar uma medalha, e dava meu máximo em cada treino. A gente pensa tanto nessa medalha, e quando a gente consegue, a gente não acredita”, disse Poliana, em entrevista à TV Globo.

“Sinceramente, depois que eu saí da Olimpíada de Londres, eu não imaginava que estaria melhor ainda na próxima Olimpíada. Mais uma vez me chamaram de velha, me disseram que eu não estava preparada, desacreditaram em mim, e mais uma vez eu dei a volta por cima”, desabafou a atleta.

A conquista de Poliana Okimoto é a primeira do Brasil na Natação nesta edição dos Jogos Olímpicos, que ainda terá a disputa da prova masculina da Maratona Aquática.

Foto: Getty Images



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.