Torcedores argentinos criticam jornal “Olé” após zoação com eliminação do Brasil no basquete

Foto: Reprodução/Twitter oficial Luis Scola

A eliminação do Brasil no basquete ganhou, nesta terça-feira (16), um espaço na capa do “Diário Olé”, principal jornal esportivo da Argentina. Isso porque o destaque era para ser o próximo jogo da seleção nacional, contra os Estados Unidos, mas o periódico, é claro, não perderia a oportunidade de zoar a queda dos brasileiros. E quem não gostou nada disso foram os argentinos, que acusaram o veículo de incitar a rivalidade e a violência.

LEIA MAIS
ASTRO CRITICA JORNAL ARGENTINO QUE COMEMOROU ELIMINAÇÃO DO BRASIL NO BASQUETE

“São semeadores de discórdia, são uma vergonha de jornalistas, se é que podemos chamá-los assim”, criticou um torcedor argentino no Twitter. “Bem aí o jornalismo está fomentando a violência e nos fazendo parecer como idiotas argentinos”, reclamou outro.

Além disso, os internautas mostraram apoio ao jogador de basquete Luis Scola, que também publicou uma mensagem criticando a postura do Olé. “Grande, Scola. Queremos um país melhor e a mídia alimenta o ódio e a rivalidade. Olé, vocês são medíocres”, disse um fã em resposta ao atleta.

Um jornalista argentino também aproveitou o comentário de Scola para expressar indignação. “Que vergonha que sinto como jornalista… Importante: esse não é um erro de alguém que não checou informações, isso é o que propõe o Olé”, escreveu.

Confira abaixo outros comentários críticos:

 



Jornalista, assessora de imprensa e pós-graduanda em Jornalismo Esportivo e Multimídias. Amante dos esportes desde sempre e apaixonada por futebol inglês.