Análise: veja o que o Fluminense ganha com a chegada do patrocínio da Caixa

Dryworld
Crédito de imagem: Nelson Perez/ Fluminense F.C

O Fluminense deve estrear o patrocínio da Caixa Econômica Federal na cota máster da camisa do clube no clássico diante do Flamengo, em partida válida pela Série A do Campeonato Brasileiro e além da cota máster outras novidades devem acontecer entre a equipe das Laranjeiras e o Tricolor das Laranjeiras. Diante disto, o Torcedores.com mostra o que o clube ganha com a chegada do novo patrocinador.

LEIA MAIS:
CONFIRA COMO FICA A CLASSIFICAÇÃO DO FLUMINENSE NA SÉRIE A DO BRASILEIRÃO
MERCADO DA BOLA 2016: EMPRESTADO PELO FLU, SAMUEL É APRESENTADO AO HATTA CLUB

Uma das novidades que o Fluminense irá ganhar com a Caixa será a exposição da equipe em outros estados, principalmente com relação à divulgação, participação com o torcedor e ações de marketing que o banco estatal pretende realizar com o Tricolor das Laranjeiras durante a passagem e a duração que será válido até o final do ano.

Vale lembrar, que o Fluminense irá receber da Caixa Econômica Federal R$ 1 milhão até o final deste ano e o patrocínio será experimental e com a chance de prorrogar o contrato por mais uma temporada. O Tricolor das Laranjeiras almeja destinar o dinheiro para investir no novo Centro de Treinamento que está quase pronto.

Antes de fechar com a Caixa, o Fluminense realizou patrocínio pontual com a TCL, nas partidas contra o Corinthians, tanto pela Copa do Brasil, quanto pela vigésima sétima rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Com a empresa de eletrodoméstico, o Tricolor das Laranjeiras embolsou duzentos mil reais.



Radialista, Jornalista com passagens como correspondente pelo site italiano CalcioNews24.com e pelo Arena Rubro-Negra. Atualmente setorista do Fluminense e Futebol Sul-Americano no Torcedores.com