Análise: Vila é trunfo do Santos nos próximos jogos para Libertadores 2017

Análise: Vila Belmiro se torna trunfo do Santos para Libertadores 2017
Foto: Ivan Storti/ Flickr oficial do Santos FC

O Santos chega ao final do mês de setembro na quarta posição do Campeonato Brasileiro, com 45 pontos, e classificado para as quartas de final da Copa do Brasil. Visando a classificação para a Libertadores de 2017, o Peixe terá uma sequência em que pode usar a Vila Belmiro como trunfo.

LEIA MAIS:
SANTOS X BENFICA: COMEÇA A VENDA DE INGRESSOS PARA O AMISTOSO NA VILA BELMIRO
BRASILEIRÃO: CBF ALTERA HORÁRIO DE SANTOS X ATLÉTICO-PR PELA 28ª RODADA
SANTOS X INTERNACIONAL: VENDA DE INGRESSOS PARA JOGO DA COPA DO BRASIL COMEÇA NO SÁBADO

As próximas três partidas do clube serão em seu estádio: na próxima quarta, às 19h30, contra o Internacional pelas quartas de final da Copa do Brasil; no sábado (02), às 16h, contra o Atlético-PR pela 28ª rodada do Brasileirão; e na outra quarta (05), às 21h, contra o Fluminense pela 29ª rodada da competição nacional.

Vencendo o Colorado, o time já dá um passo importante rumo à próxima fase do mata-mata, do qual foi vice-campeão no ano passado. Saindo vitorioso dos dois jogos do Campeonato Brasileiro, também fica em situação mais confortável em se tratando de consolidação no G-4, pois enfrenta dois concorrentes diretos.

Hoje, o Peixe está dois pontos à frente do Tricolor das Laranjeiras e três do Furacão, além de quatro do Corinthians – são 5º, 6º e 7º colocados, respectivamente. Fazendo o “dever de casa”, os comandados de Dorival Júnior abrem, no mínimo, quatro pontos de vantagem para o Timão, cinco para os cariocas e seis para os paranaenses.

Em 2016, o Santos já foi mandante na Vila Belmiro em 21 oportunidades, vencendo em 16, empatando em três e perdendo em apenas duas (para Internacional e Figueirense, ambas pelo Brasileirão). São 40 dos 57 pontos disputados, com 34 gols marcados e 17 sofridos. O estádio sempre foi considerado um trunfo para o clube.

Outro fator que é consequência das partidas como mandante é o menor desgaste dos jogadores com viagens. O elenco só volta a sair do estado de São Paulo no dia 19 de outubro, quando joga a volta das quartas de final da Copa do Brasil contra o Internacional no Beira-Rio.

Após os três duelos seguidos na Vila Belmiro, o elenco santista precisará apenas subir a serra para fazer clássico com o São Paulo no Pacaembu, no dia 13. Em seguida, volta à Baixada para receber o Grêmio (outro concorrente direto), antes de ir a Porto Alegre para encarar o Inter pela Copa do Brasil.

Tudo isso levando em conta partidas oficiais, já que o Urbano Caldeira também será palco, no dia 8, do amistoso internacional do Alvinegro Praiano com o Benfica, de Portugal, em comemoração ao centenário de fundação do estádio.

Com todos esses fatores, o momento se torna de extrema importância para o Santos se aproximar das pretensões na temporada e, depois de cinco anos, poder voltar a disputar uma Copa Libertadores da América.

Gostou da publicação? Para acompanhar tudo o que escreve seu autor, curta sua página no Facebook e siga-o no Twitter.



Jornalista formado pelo Mackenzie (SP), pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Multimídias e pós-graduando em Assessoria de Comunicação e Mídias Sociais pela Anhembi Morumbi (SP). Apaixonado por esportes desde 1994.