Copa Libertadores 2017 será disputada até novembro; veja as mudanças

Foto: Divulgacao/ Conmebol

Em reunião nesta terça-feira com presidentes de entidades administrativas e de clubes, em Assunção, a Conmebol confirmou que a Copa Libertadores 2017 acontecerá de fevereiro a novembro, com a participação de 42 clubes e não mais 38.

A entidade também decidiu que a Copa Sul-Americana será disputada entre junho a dezembro.

O presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, postou foto do encontro no Twitter. O presidente do Atlético-MG, Daniel Nepomuceno, esteve presente.

“Depois de uma análise criteriosa das necessidades e características próprias do futebol sul-americano, decidimos adotar o calendário anual para a Libertadores. Por muito tempo os clubes tiveram que escolher entre o campeonato local e os torneios continentais, e isso afeta a qualidade de ambas as competições. Essa mudança nos permitirá melhorar o desempenho esportivo nos torneios nacionais, proteger os jogadores e, além disso, potencializar a qualidade de jogo das copas continentais”, disse Domínguez em sua página no Twitter.

Outra novidade é que os 10 clubes que não conseguirem avançar às oitavas de final irão disputar a Copa Sul-Americana. Algo semelhante acontece na Europa. As agremiações que não passam da fase de grupos da Liga dos Campeões disputam a Liga Europa.

Nas edições anteriores, a Libertadores teve início em fevereiro com término em julho ou agosto. Cada edição era disputada em 27 semanas. Em 2017 serão 42 semanas.

 



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)