Brasileiros voltam a campo pela Copa Sul-Americana e Coritiba pode fazer a alegria da galera

Divulgação

A Copa Sul-Americana conhecerá nesta quarta-feira (28) o destino dos quatro clubes brasileiros que atualmente disputam a fase de oitavas de final da competição. Flamengo, Coritiba, Chapecoense e Santa Cruz jogam esta noite sonhando com uma das oito vagas para a fase de quartas de final do segundo maior torneio da América do Sul. Dos quatro times, o que se encontra em pior situação é o Coritiba.

O Coxa vai encarar o Belgrano na Argentina buscando reverter uma derrota por 2 a 1 no jogo de ida – disputado no Couto Pereira. O técnico Paulo César Carpegiani sabe que precisa de gols e deve colocar em campo uma equipe mais ofensiva em Córdoba: Iago, Vinícius, Kazim e Leandro devem fazer o quarteto de ataque, com Alan Santos e João Paulo de volantes. O time paranaense terá que vencer os argentinos por 2 a 0 ou por um gol de diferença – desde que marque três – para avançar de fase na competição internacional.

O Alviverde vai para cima e pode surpreender na partida que começa às 21h45 em solo argentino – vem de um triunfo recente por 1 a 0 contra o Sport no Recife há dez dias. Segundo dados do Oddsshark.com/br, uma vitória do Coritiba em Córdoba mais do que quadruplica o montante inicial investido – dez reais se transformam em 43! Resultado que se torna ainda mais sedutor pelo fato do Belgrano poder se classificar com algumas vitórias do Coxa, por 1 a 0 por exemplo. Vale ficar de olho!

Carpegiani já indicou que vai para cima dos argentinos – o Alviverde tem alguns problemas defensivos e enfrentará um adversário muito técnico no Estádio Mario Kempes completamente lotado. Portanto, outra excelente opção de investimento é acreditar que o duelo terá mais do que três gols – o que multiplicaria por seis o valor inicial! O resultado que classifica o Coxa – 2 a 0 – paga incríveis R$19 a cada real investido! Vai, Coxa!

Outro time brasileiro que se encontra em situação difícil é o Santa Cruz. Vice-lanterna do Brasileirão, o time pernambucano recebe o Indepediente Medellín, nesta quarta-feira, às 21h45, precisando vencer por três gols de diferença para avançar. A Cobra Coral perdeu por 2 a 0 na Colômbia e terá que correr atrás do prejuízo no Arruda. Ao contrário do Coritiba, pelo menos o embate será no Brasil.

O técnico Doriva ainda não sabe se poderá contar com todos os titulares devido a questão física, mas já deixou claro que precisará se expor para reverter a desvantagem. O Santinha deve entrar em campo com o trio Arthur, Pisano e Grafite no comando do ataque. Os dados do Oddsshark.com/br mostram que um triunfo do Tricolor paga R$2,33 a cada real investido, já o exato placar de 3 a 0 – que classificaria o time sem pênaltis – rende absurdos R$19,33 a cada real!

A missão está longe de ser fácil – o Independiente é o líder do campeonato colombiano e chega em ótima fase ao Recife: possui o melhor ataque do Primera A com 20 gols marcados em 13 partidas. O time também terá o retorno de peças importantes, como o artilheiro Christian Marrugo – que volta de contusão. Um triunfo do Medellín também é uma boa pedida: mais do que quadruplica o montante inicial – odd de 4,20 – também segundo o Oddsshark.com/br.

Flamengo e Chapecoense em situações mais confortáveis

O panorama para Flamengo e Chapecoense é mais animador – os dois times arrancaram bons resultados longe do Brasil e agora decidem a classificação em casa. O Mengão foi a Santiago na última quarta-feira com o time reserva e mesmo assim venceu o Palestino por 1 a 0. O vice-líder do Brasileirão recebe o fraco time chileno no Kléber Andrade às 21h45 desta quarta (28) e mais uma vez deve poupar vários titulares. O ‘mistão’ Rubro-negro tem a missão de classificar a equipe pela primeira vez na história para as quartas do torneio sul-americano.

Com a cabeça no Brasileirão, o  Mengão deve jogar com o regulamento embaixo do braço e não se expor demais. Já o Palestino vem de um momento ofensivo muito ruim: o time perdeu inúmeras oportunidades no duelo de ida no Chile e marcou apenas um gol nos últimos quatro jogos. Portanto, os dados do Oddsshark.com/br mostram que a melhor pedida é investir em um duelo de menos de três gols marcados – o que rende R$2,20 a cada real.

A Chapecoense é a primeira equipe brasileira a entrar em campo esta noite – recebe o perigoso Independiente, de Avellaneda, às 19h15 na lotada Arena Condá, em Chapecó. O time arrancou um ótimo 0 a 0 na Argentina na semana passada e tem tudo para buscar a classificação com o apoio do seu torcedor. Pelo segundo ano consecutivo o clube de Santa Catarina encara um argentino na Sul-Americana – a Chape caiu para o River Plate nas quartas de final de 2015.

O Verdão do Oeste deve ir para cima dos hermanos – qualquer vitória coloca o time brasileiro na próxima fase e rende R$2,70 a cada real investido. Um empate com gols dá a vaga aos visitantes; se o 0 a 0 voltar a se repetir a disputa vai para os pênaltis. Um triunfo do Independiente mais do que triplica o valor inicial – odd de 3,14 – e não é algo tão difícil de acontecer. Os Diabos terão os importantes retornos do artilheiro Germán Denis e do meia Maximiliano Meza, que voltam de contusão.