VÍDEO: Cuca se enrola ao explicar opção por Leandro Pereira no lugar de Barrios no Palmeiras

Palmeiras
Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras

A entrevista coletiva de Cuca após a vitória do Palmeiras sobre o Coritiba, no último sábado, foi um verdadeiro prato cheio para quem queria ver o circo pegar fogo e também para dar boas risadas. Além de rebater o comentarista Mauro Cezar Pereira, da ESPN Brasil, por críticas feitas ao seu estilo de jogo no Verdão, o treinador alviverde também deu uma explicação, no mínimo, curiosa por usar Leandro Pereira no segundo tempo em vez de Lucas Barrios, atualmente o jogador que mais ganha ao mês no clube.

LEIA TAMBÉM:
Cuca indica que Palmeiras terá força total contra o Grêmio pela Copa do Brasil

Cuca ironiza comentarista da ESPN sobre ‘Cucabol’: “deve não agradar ele, né?”
Cuca repete no Palmeiras gol que havia feito no Corinthians há 5 anos; compare
Palmeiras tem que melhorar rendimento em casa se quiser título brasileiro; entenda

Após um primeiro tempo sem inspiração de seus jogadores, Cuca indicava que colocaria Barrios na etapa final, uma vez que o camisa 8 já tinha ido para os vestiários pouco antes do intervalo depois de se aquecer na lateral. Todos se surpreenderam, todavia, com a entrada de Leandro, que amargava mais de 14 meses sem balançar as redes.

A troca deu certo, já que o camisa 30 fez o primeiro gol da vitória do Palmeiras por 2 a 1 e que manteve o clube na ponta da tabela do Campeonato Brasileiro faltando 11 rodadas para o fim. Na coletiva, Cuca também surpreendeu na resposta, revelando que “nem ele sabia o porquê de ter optado por Barrios no banco”.

“Hoje era um jogo para o Barrios entrar. Até falei: ‘você vai entrar’, mas depois acabei mudando de ideia. (Qual o motivo?) Ah, sei lá… era o Barrios que vinha, daí lá dentro virou o Leandro e deu certo. Não importa se o gol foi do Barrios, do Leandro Pereira, foi gol do Palmeiras né, mais uma intuição, fruto do trabalho que temos com a comissão técnica”, afirmou Cuca, arrancando gargalhada da imprensa na sala de coletivas.

Assista (trecho a partir de 11’10” do vídeo):

Em pouco mais de um ano no Palmeiras, Barrios tem números bem modestos para um investimento tão grande da Crefisa, patrocinador máster do clube paulista. Em 2016, então, a fase do centroavante não é nada boa.

O argentino naturalizado paraguaio só fez 19 jogos pelo Verdão com apenas quatro gols, e tem sofrido bastante com lesões musculares. Barrios ganha em dólares, e os vencimentos beiram R$ 1 milhão ao mês – entre salários, luvas e transferência.



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.