Ídolos santistas comentam sobre o livro que conta os 100 anos da Vila Belmiro

Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo / Santos FC

O estádio Urbano Caldeira, mais conhecido por Vila Belmiro completa 100 anos em Outubro deste ano. A vila mais famosa do mundo, como também é conhecida, foi palco de grandes histórias do Santos e também um lugar por onde passaram muitos dos melhores jogadores da história, como Edu, Pepe, Coutinho, Mengálvio, Dorval, Lima, Neymar, e sem esquecer do Rei Pelé.

LEIA MAIS:
Santos: Dorival esboça equipe com Vecchio no lugar de Vitor Bueno
Santos terá de procurar novo zagueiro para 2017. Entenda o motivo!
Brasil é o país que tem mais times que nunca foram rebaixados; veja

Pensando em todas as histórias que a Vila presenciou nestes 100 anos, Ted Sartori e Almir Rizzatto, dois jornalista torcedores e apaixonados pelo clube decidiram escrever um livro sobre as histórias vivenciadas no Alçapão Alvinegro.

A ideia dos jornalista não só agradou a torcida, como também os grandes ídolos da história do clube elogiaram a ideia.

Confira aqui o que disse os Eterno ídolos do Alvinegro Praiano ao site oficial do clube:

Mengálvio, ex meia:
“Acho uma ideia muito boa, precisa ter um livro para contar tantas histórias bonitas que tem neste palco. Vai ser muito bonito, e quero ganhar o livro de presente. Vir aqui na Vila é o que me dá mais ânimo de viver. Reencontro os meus amigos e fico feliz demais”

Coutinho, ex atacante : “É uma lembrança que fica gravada para sempre, uma lembrança boa, e no que pudermos ajudar para esse livro ficar bonito, pode ter certeza que ajudaremos.”

Pepe, ex ponta-esquerda:
“Existem campos famosos como Wembley, o próprio Maracanã, mas a Vila Belmiro é o xodó de muita gente. Por aqui passaram os maiores craques do futebol brasileiro e mundial. A Vila Belmiro merece ser eternizada em uma obra literária.”

Dorval, ex ponta-direita: “Um livro super importante, não apenas para nós jogadores, mas para todos torcedores do Santos. Este estádio é uma das glórias do Santos Futebol Clube. Parabéns aos autores do livro pela ótima ideia. Nosso estádio merece.”

Lima, ex volante: “Eu acho sensacional, pois, se você chegar para qualquer torcedor do Santos, independentemente da época, e falar para ele: “Vamos derrubar a Vila para construir outro estádio”, você vai receber uma tremenda vaia. Acho que eles estão certos. Aqui é a nossa casa, as grandes glórias, tudo aconteceu aqui. Pode fazer a arena, mas aqui sempre precisa estar funcionando. Todos devem conhecer. Um livro sobre esta história é importante demais. Adoro a ideia.”