Libertadores 2017 terá novidade relacionada ao México. Saiba qual!

Libertadores
Credito da foto: Divulgacao/Conmebol

A edição 2017 da Taça Libertadores da América terá uma novidade no que diz respeito a participação de times mexicanos na competição. Nesta semana, a Conmebol anunciou que os times do país poderão ter a chance de decidir em casa o título do certame continental, caso cheguem às finais.

LEIA MAIS

VITOR HUGO, ZAGUEIRO DO PALMEIRAS, VAI SE TORNAR O JOGADOR COM MAIS PARTIDAS NO ALLIANZ PARQUE

RUGBY: CONFIRA OS PRINCIPAIS JOGOS DA 6ª RODADA DO TOP 14

PRASS TREINA COM BOLA E PODE VOLTAR AOS GRAMADOS ANTES DO ESPERADO EM 2016

A Federação Mexicana de Futebol publicou na página dedicada ao campeonato local (a Liga MX) a decisão da Confederação Sul-Americana que, desde que os times mexicanos passaram a jogar a principal competição de clubes da América do Sul, em 1998, só poderiam receber a primeira partida das finais, independente da campanha durante a competição.

“Esta manhã (sábado, 23), a Federação Mexicana e a Liga BBVA Bancomer MX receberam um comunicado da Conmebol, sendo notificados da mudança no artigo 3.7 inciso B do regulamento da Libertadores da América, referente à disputa da final, que agora poderá ter o jogo de volta no México”, diz a nota da entidade, que cita a aprovação da mudança da regra na reunião do Comitê Executivo da Confederação, no último dia 13, em Lima.

Com a nova resolução, os times mexicanos poderão ter a chance de decidir o título em casa. Nas três vezes em que clubes locais avançaram à decisão (Cruz Azul em 2001, Chivas em 2010 e Tigres em 2015), tiveram que jogar o jogo decisivo fora de casa.

A mudança não influi em nada na distribuição de vagas para o Mundial de Clubes da Fifa. Caso um time mexicano vença a Libertadores, o vice-campeão terá acesso a vaga, com o México se classificando através da Liga dos Campeões da Concacaf, a Concachampions.

 

(Crédito da foto:  Divulgacao/Conmebol)