Na Justiça, Coritiba cobra um milhão de reais do Internacional por Ceará

Internacional
Foto: Divulgação/Site Inter

Os problemas do Internacional não são apenas dentro de campo. Na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o Colorado também tem problemas extra-campo, com outra equipe da Série A do Campeonato Brasileiro. 

O Coritiba alega que o Internacional não pagou a multa rescisória do lateral direito Ceará, que começou a temporada no clube paranaense e hoje está defendendo os gaúchos. O valor seria de um milhão de reais. A informação é do portal Globoesporte.com.

Ceará foi sondado pelo Inter no meio da temporada e chegou no Beira-Rio para fazer exames, mas foi reprovado e não assinou contrato com o Colorado, que oficializou que não iria mais contratar o atleta. Mas o jogador já havia rescindido seu contrato com o Coritiba e Ceará ficou sem clube.

Depois do ocorrido, o lateral assinou com o Internacional até 2017, mas o time de Porto Alegre não chegou a depositar o valor da multa para o Coxa, que se sentiu prejudicado e recorreu à Justiça para que o Inter pague. O processo teve início no começo desta semana.

O Coritiba tem um documento recebido pelo Inter afirmando que assim que rescindisse seu contrato com o Coxa e assinasse com o time do Rio Grande do Sul, o valor de sua multa seria paga e usará como argumento no processo, o que tranquiliza o dirigentes do Verdão, Alex Brasil:

“Está tudo documentado em cima daquilo que foi interessante para nós. O problema agora está com o Internacional, o jogador assinou a rescisão e não é mais do Coritiba. É uma questão jurídica e juridicamente estamos bem assegurado.”



Jornalista formado pela FIAM-FAAM. Setorista do Internacional e do Fluminense no Torcedores.com. Também escreve sobre o Palmeiras no site. Contato: mohamed.nassif12@hotmail.com