Opinião – Cruzeiro toma dois gols e Mano soube lançar o time ao ataque

Foto: Divulgação/ Site Oficial do Cruzeiro

O Cruzeiro foi a São Paulo enfrentar o Corinthians pelo jogo de ida da Copa do Brasil nesta quarta-feira, às 21h45, no estádio de Itaquera e fez um primeiro tempo bem equilibrado com o time paulista, porém no começo do segundo tempo, o time tomou dois gols antes dos 10 minutos e Mano precisou mexer.

Leia mais:

CORINTHIANS X CRUZEIRO: ACOMPANHE O PLACAR DO JOGO AO VIVO
MEIA DO CRUZEIRO É CONVOCADO PARA SELEÇÃO URUGUAIA
MANO MIRA EM RECUPERAÇÃO DO CRUZEIRO PARA “MATAR FANTASMAS” COM VITÓRIAS

 

O técnico Mano Menezes fez três alterações em sequência no Cruzeiro, depois de ter tomado os gols no início da segunda parte. O Cruzeiro buscou o gol logo em seguida a entrada dos seus jogadores de frente. Ramon Ábila, Arrascaeta e Alisson.

O Cruzeiro tomou o meio campo e conseguiu dominou as ações do jogo assim que fez o gol. Embora o time celeste sofra com o lado emocional no Brasileirão, na Copa do Brasil, o pensamento é diferente. O time não perdeu na competição até o jogo dessa noite.

É difícil imaginar o time mineiro brigar sem qualidade em campo. O treinador sabe o que faz com a equipe e parece tirar leite de pedras. Mano demonstrou nessa noite que foi contratado para fazer um trabalho de salvação.

Com o resultado de 2 a 1, a raposa pode sonhar com a classificação no Mineirão, no jogo de volta. Ainda bem que Robinho tem sorte de marcar contra os paulistas.

Os jogadores da equipe mineira foram aguerridos. O elenco é limitado e a classificação fica aberta para BH. “Agora é desligar a chave pensar no Grêmio”, disse Robinho na saída de campo à Fox.

No fim de semana tem duelo pelo Brasileirão e o clube luta para fugir da zona de rebaixamento. Valeu a luta do time e mesmo com a derrota o time sai com o astral em alta.

 



Sou apaixonado por esportes e política. Escrever é minha paixão. A vida é muito intensa para ser editada em palavras!