Pela liberação do Maracanã, torcida do Flamengo protesta e cobra políticos

Flamengo
(Photo by Buda Mendes/Getty Images)

O Flamengo até pode não conquistar o título do Brasileirão, mas não vai ser por falta de empenho da sua torcida. Além de parar aeroportos para prestar apoio nas viagens do time e estar presente mesmo em jogos em outros estados, os flamenguistas agora se transformam em “dirigentes”, entram em uma luta política e cobram a reabertura do Maracanã. Neste sábado, centenas de rubro-negros foram às ruas pedir a liberação do estádio.

LEIA MAIS:

Abel Braga tranquiliza colorados e descarta queda: “O Inter não vai cair”

Depois de Douglas Costa, Brasil pode perder mais dois titulares por lesão

Na briga contra o Z4, Inter pode ter o Palmeiras como grande aliado; entenda

Oficialmente, o estádio está entregue à Rio 2016 até o dia 30 de outubro. No entanto, o Flamengo ainda tem esperanças em poder a voltar a jogar no Maracanã no dia 23, contra o Corinthians. Sem poder atuar na sua tradicional casa, o Fla tem mandado a maioria dos jogos para Cariacica, no Espírito Santo, que sediará novamente o jogo contra o Cruzeiro, neste domingo. Os cariocas também já jogaram em Brasília e São Paulo na ausência do Maracanã.

O protesto deste sábado, que contou com gritos de “O Maraca é nosso”, iniciou na Central do Brasil e foi até o estádio. Não foram registrados incidentes pelas autoridades – a Polícia Militar acompanhou a marcha dos flamenguistas. Os torcedores também foram à prefeitura cobrar alguma atitude dos políticos e do comitê organizador dos Jogos Olímpicos.

O movimento chamado de “A Marcha do Maraca” foi criado no Facebook e ganhou a adesão dos flamenguistas usuários das redes sociais. No texto, os organizadores lembram que o Flamengo gostaria de voltar ao Maracanã já na partida deste domingo contra o Cruzeiro, que será no Espírito Santo. “Lamentavelmente, o comitê Rio 2016 está fazendo de tudo para dificultar nossa vida e deu uma previsão absurda para desmontar toda a estrutura olímpica e liberar o estádio: mais de um mês”, escreveram os torcedores.

Assim como o Flamengo, o Fluminense também é “parte interessada” na reabertura imediata do Maracanã. Porém, o tricolor encontrou uma alternativa para a situação e tem mandado jogos em Edson Passos, no Rio de Janeiro, onde inclusive tem obtido bons resultados. Flamengo e Fluminense fazem o Fla-Flu no próximo dia 12 de outubro, pela 30ª rodada, e o jogo ainda não tem destino certo.



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.