UFC Vila diverte fãs em Brasília com cinturão, bandagem e fotos

UFC Vila em Brasília
UFC Vila atraiu fãs de MMA que puderam fazer bandagem na mão

O UFC Fight Night Brasília conseguiu segurar os fãs de MMA na área externa do ginásio Nilson Nelson com o UFC Vila. Durante os combates do card preliminar, o público aproveitou as atrações montadas pela organização e abusou de fotos com o cinturão, roupão e luvas.

​”Gostei muito de fazer a bandagem e tirar foto com o cinturão. É a minha primeira vez em um evento do UFC. Ainda estou descobrindo e curtindo”, disse o assistente técnico Yago Freire, que veio especialmente para ver Renan Barão lutar. “Ele mudou de categoria e ainda tem uma fila, um longo caminho para recuperar o cinturão”, observa.

O pastor Jormison Pinheiro também aprovou a estrutura montada pela organização. Ele comprou um boné, uma camiseta e registrou a experiência do UFC vestindo o roupão e posando para fotografia. “Fui mais a eventos do UFC do que de futebol. Acho mais organizado. Estive no UFC em Goiânia e agora estou no segundo em Brasília. Aprovado”, relata.

O público registrou com selfies cada atração do UFC Vila. Os estandes de bandagem e fotografia ficaram cheios, assim como o espaço para ostentar o cinturão. Um backdrop com uma foto em tamanho real do lutador Antonio Silva, o Pezão, também atraiu curiosos, que esticavam os braços para comparar a envergadura com o lutador.

O UFC Fight Night é o segundo realizado em Brasília, tendo como luta principal o embate entre Cris Cyborg e Lina Lansberg. Em setembro de 2014, a entidade norte-americana esteve pela primeira vez na cidade com Pezão x Arlovski 2. Na ocasião, o UFC Vila não foi montado na capital.



Jornalista graduado pelo UniCEUB, em 2010. Trabalha com esportes desde 2010 e atualmente sub-editor do caderno Torcida, do Jornal de Brasília. Passou também pela redação do Jornal Metro. Cobriu jogos do Brasileiro (Séries A a D), Copa do Mundo-2014 e Campeonato Candango, além de eventos como o Novo Basquete Brasil e a Liga Futsal.