Carro vermelho? Nem pensar: ex-gremista se envolve em polêmica na Europa

Ex-gremista
Foto: Reprodução/Instagram

Nada pode surpreender quando se trata de rivalidade no futebol. Em Lisboa, capital de Portugal, uma situação bastante inusitada chamou a atenção de todos nesta quinta-feira, 27, em fato relatado pelo jornal A Bola. O meia argentino Alan Ruiz, ex-Grêmio, que atualmente joga no Sporting, foi proibido de estacionar sua Ferrari vermelha no local destinado aos carros dos demais jogadores do elenco.

LEIA MAIS:

Carol Portaluppi revela que dá “pitacos” na escalação do Grêmio

Recém-contratado pelo Sporting, Ruiz está tendo que encontrar outros lugares na sede do clube para estacionar o seu luxuoso veículo. A justificativa para a atitude do clube é a forte rivalidade com o Benfica, que tem as cores vermelha e branca como predominantes em seu uniforme. O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, não aceita o vermelho nas dependências do clube.

A “ira” contra a cor vermelha não é novidade para o presidente Bruno de Carvalho. Segundo a reportagem do “A Bola”, até os extintores de incêndio na sede do Sporting podem ser trocados para outro tom. A publicação informa que Ruiz teve que estacionar o carro perto dos treinos das categorias de base, no local destinado aos visitantes.

Alan Ruiz e suas polêmicas

Em 40 jogos pelo Grêmio, Ruiz marcou somente 5 gols. Mas dois deles tiveram um sabor especial. No Gre-Nal na Arena pelo segundo turno do Brasileirão de 2014, o meia entrou no segundo tempo, marcou duas vezes e saiu expulso de campo, sendo ovacionado pela torcida gremista.

Ele acabou deixando o clube no final daquela temporada, mas apenas a participação naquele clássico fez com que o jogador ganhasse o carinho da torcida gremista. Ao final do jogo, o ex-gremista usou o seu Instagram para alfinetar o compatriota colorado argentino Andrés D’Alessandro. Por sinal, essa não foi a única provocação de Alan Ruiz sobre os colorados… relembre outras.

 

 

 



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.