“Dói muito” jogadores do Cruzeiro afirmam que batalha para não cair machuca

Superliga Masculina
Foto: Divulgação/ Site oficial do Cruzeiro

O Cruzeiro é o primeiro time fora do Z-4 e está apenas 2 pontos do Figueirense, o time mineiro luta para se afastar dessa zona que incomoda a todos que estão perto dela, a próxima batalha para sair desta situação é contra a Ponte Preta, neste Sábado, às 21h (horário de Brasilia), esta é a 29ª rodada do Brasileirão.

LEIA MAIS:
RAIO X DO BRASILEIRÃO: CONFIRA AS PRINCIPAIS ESTATÍSTICAS APÓS A 28ª RODADA

Nesta quinta, Robinho cedeu uma entrevista coletiva dizendo tudo que sente, uma das sensações que o atacante destacou é a “dor emocional” que sente pelo time estar na fase que esta.

“Minhas dores são emocionais, por ficar na zona de rebaixamento. Mas eu sinto dores físicas, no posterior, anterior, adutor, isso faz parte da vida do atleta, não tem como. Tem que conviver com isso. Mas nenhuma dessas dores vãos nos tirar dessa batalha de sair da zona de rebaixamento.” – disse o jogador do Cruzeiro.

Outro atleta do elenco cruzeirense que também se sente muito incomodado pela recente fase é Léo, o jogador que afirma ser cruzeirense desde pequeno joga no time desde 2010 e disse que estar lutando contra o rebaixamento é desconfortante.

“Dói muito, questão de viver uma situação assim, tudo que a gente vive é mais intenso por ser daqui, estamos há muito tempo aqui, criado. Você sente muito mais.” – afirmou Léo.