Equador x Chile: como foram os últimos cinco jogos das duas seleções

Foto: Reprodução/Site oficial da Conmebol

Nesta quinta-feira (06), Equador e Chile se enfrentam às 18h, no Estádio Atahualpa, em Quito. As duas seleções vêm de uma série ruim de dois jogos sem vitórias, que as tiraram do G4 das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Neste momento, os equatorianos ocupam a 5ª posição, com 13 pontos conquistados, e estariam indo para a repescagem, enquanto os atuais bicampeões da Copa América estão apenas na 7ª colocação, com 11 pontos.

LEIA MAIS:

Estrelas do Arsenal pedem salários de cerca de R$ 4 milhões por mês

Veja abaixo como foram as últimas cinco partidas de cada uma das seleções:

Chile (2 vitórias, 2 empates, 1 derrota)

6 de setembro – Chile 0 x 0 Bolívia – Eliminatórias

1 de setembro – Paraguai 2 x 1 Chile – Eliminatórias

26 de junho – Argentina 0(2) x (4)0 Chile – Final da Copa América Centenário

22 de junho – Colômbia 0 x 2 Chile – Semifinal da Copa América Centenário

18 de junho – México 0 x 7 Chile – Quartas de final da Copa América Centenário

Equador (1 vitória, 1 empate, 3 derrotas)

6 de setembro – Peru 2 x 1 Equador – Eliminatórias

1 de setembro – Equador 0 x 3 Brasil – Eliminatórias

16 de junho – Estados Unidos 2 x 1 Equador – Quartas de final da Copa América Centenário

12 de junho – Equador 4 x 0 Haiti – Fase de grupos da Copa América Centenário

8 de junho – Equador 2 x 2 Peru – Fase de grupos da Copa América Centenário

Além disso, o retrospecto nas Eliminatórias em 2016 de ambas as equipes é ruim. A última vitória do Equador na competição foi em novembro do ano passado. Neste ano, além das derrotas nas duas útlimas rodadas, os equatorianos, em março, empataram com o Paraguai e perderam para a Colômbia, por 3 a 1. Já os chilenos foram derrotados em casa para a Argentina e golearam a Venezuela por 4 a 1.

Nos últimos cinco duelos entre as seleções, o equilíbrio dá o tom do confronto. O Chile leva a melhor por pouco: foram três vitórias da Roja, contra duas do Equador. O último confronto entre as duas seleções foi na fase de grupos da Copa América de 2015, com vitória chilena por 2 a 0, gols de Arturo Vidal e Eduardo Vargas.