Flamengo lamenta falecimento de Carlos Alberto Torres, técnico do Tri Brasileiro

Reprodução Twitter/Flamengo

Nesta terça (25), morreu, vítima de um enfarte fulminante, o ex-lateral-direito Carlos Alberto Torres, capitão do tricampeonato mundial da seleção brasileira na Copa do 1970. O Flamengo, clube o qual o “Capita” foi atleta e técnico do time campeão brasileiro de 1983, lamentou o falecimento através de nota oficial em seu site.

LEIA MAIS:
Felipe Melo e assessor negam acerto com Flamengo para 2017; veja
Emprestado pelo Flamengo, Cafu vira garçom atuando ao lado de Forlán na Índia
Flamengo e Palmeiras disputam a contratação de Bernard para 2017

 

O clube rubro-negro chamou a morte de Carlos Alberto Torres como uma perda irreparável. Veja: “O honrou o Manto Sagrado como jogador e treinador. Técnico do Tri Brasileiro de 1983. Uma perda irreparável. Descanse em paz”

Veja a postagem no Twitter oficial do Flamengo:

 

Carlos Alberto Torres Flamengo

 

Carlos Alberto Torres foi atleta do Flamengo em 1977, após passagem pelo rival Fluminense. Com 33 anos, disputou vinte partidas pelo Rubro-negro, antes de acertar transferência para atuar com Pelé nos Estados Unidos, jogando pelo New York Cosmos.

A consagração na Gávea veio em 1983, como técnico do time comandado por Zico e cia. O “Capita” chegou ao clube substituir Carlinhos, que estava com interino no lugar do treinador Campeão Mundial Paulo César Carpegiani. Com uma arrancada naquele Brasileirão, o Flamengo se sagrou tricampeão brasileiro derrotando o Santos por 3 a 0 na final. Carlos Alberto Torres ainda teve outra passagem pelo Fla, em 2001.

 

O Flamengo emitiu Nota Oficial lamentando o falecimento. Veja na íntegra:

“Capita Eterno: O Flamengo lamenta a perda de Carlos Alberto Torres.

Técnico do Flamengo na conquista do Brasileirão de 1983 faleceu nesta terça-feira (25).

Faleceu nesta terça-feira (25), o eterno capitão do tricampeonato mundial da Seleção Brasileira em 1970, Carlos Alberto Torres. Figura ímpar do futebol carioca, nacional e internacional, Carlos Alberto fez parte da história do Flamengo como jogador e treinador.

Primeiro em 1977, como jogador, atuou em 19 jogos. Estreou em 05 de fevereiro daquele ano na vitória rubro-negra sobre o Fluminense por 3 a 1. Meses depois, em 29 de maio, fez a última partida em nova vitória, dessa vez contra o Campo Grande, por 5 a 1.

Foi o treinador na conquista do Brasileirão de 1983. Estreou em goleada contra o Corinthians, 5 a 1, em 17 de abril, e deixou o cargo meses depois, em agosto, após derrota contra o Botafogo pela Taça Guanabara. Levou a equipe até a semifinal da Libertadores da América.

Voltou ao comando técnico em 2001 e foi fundamental na luta contra o rebaixamento naquela temporada. A estreia foi em Juiz de Fora, em 18 de novembro, vitória rubro-negra com gol de Felipe Melo.

O Clube de Regatas do Flamengo lamenta profundamente essa perda irreparável e deseja os mais profundos sentimentos aos fãs, torcedores, amigos e familiares.”

 

Confira a galeria de fotos do eterno Capitão do Tri:

 

 

CONFIRA AINDA ALGUNS ESPECIAIS FEITOS PELO TORCEDORES.COM:
Veja até quando vai o contrato dos jogadores do Flamengo 
Veja os clubes do Brasil com mais jogadores revelados jogando a Champions
Confira jogadores que estão sem contrato e podem ser bons reforços para 2017
Brasileirão gringo! Veja os estrangeiros contratados no fim da janela 

Foto: Divulgação

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: Allan Abi Madi – @allanmadi