Copa do Brasil: Grêmio foi campeão diante do Flamengo em pleno Maracanã

Crédito da imagem: Divulgação

O Grêmio entra em campo nesta quarta (26) contra o Cruzeiro para seguir na luta pelo quinto título da Copa do Brasil. O Torcedores.com bateu papo com Mauro Galvão, bicampeão pelo tricolor.

LEIA MAIS:
Bicampeão, Mauro Galvão vê Grêmio forte na Copa do Brasil

Sport, Ceará, Flamengo e Corinthians disputaram a final com o Grêmio em 1989, 1994, 1997 e 2001. “Tive a felicidade de participar de duas destas conquistas. Se tivesse que escolher uma, seria a de 1997. Foi muito importante porque eu era o capitão do time, eu levantei a taça em pleno Maracanã. Foram duas decisões fora de casa, sendo que em 2001 jogamos contra o Corinthians em São Paulo”, lembra o ex-zagueiro Mauro Galvão, que após pendurar as chuteiras também voltou ao tricolor gaúcho como dirigente.

O título da Copa do Brasil de 1997 foi decidido após dois empates. No Olímpico, em Porto Alegre, cerca de 45 mil torcedores saíram do estádio sem ver gols e o tricolor gaúcho ainda perdeu o volante Dinho, expulso. Dois dias depois, em 22 de maio, o Maracanã recebeu 95.125 torcedores. Wilson de Souza Mendonça comandou a arbitragem da partida e o time de Evaristo de Macedo tinha Paulo Nunes e Rodrigo Gral no ataque, mas João Antônio e Carlos Miguel que balançaram as redes. Lúcio e Romário fizeram os gols do rubro-negro, que na época era treinado por Sebastião Rocha.

ASSISTA AOS GOLS DE FLAMENGO 2 X 2 GRÊMIO:

O time mineiro também conquistou quatro vezes a Copa do Brasil. Internacional e Atlético-MG fazem a outra semifinal. Com isso, a decisão poderá ter um Gre-nal inédito ou a reedição da final de 2014, quando o alvinegro mineiro levou a melhor sobre o arquirrival.

FICHA TÉCNICA – Flamengo 2 x 2 Grêmio
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro
Público: 95.125
Árbitro: Wilson de Souza Mendonça (PE)
Gols: João Antônio 6′(G), Lúcio 30′(F) e Romário 41′(F) do 1º; Carlos Miguel 34(G)’ do 2º;
FLAMENGO – Zé Carlos, Fábio Baiano, Júnior Baiano, Fabiano e Athirson; Jamir, Maurinho (Leandro), Evandro e Nélio; Romário e Sávio (Lúcio). Técnico: Sebastião Rocha.
GRÊMIO – Danrlei, Arce, Rivarola, Mauro Galvão e Roger; Otacílio, João Antônio, Émerson e Carlos Miguel; Paulo Nunes e Rodrigo Gral. Técnico: Evaristo de Macedo.