Goleiro do Bahia afirma importância de vencer jogos em casa

Foto: Divulgação/ECV

Diferentemente de Avaí e Londrina, que embalaram sequência de triunfos e se firmaram no G-4, o Bahia tem convivido com triunfos em casa e tropeços longe de Salvador. Com isso, sofreu oscilações na classificação e agora está cinco pontos atrás do G-4.

LEIA MAIS:
Pelé no Sport? Quase! Veja essa e outras curiosidades sobre o futebol nordestino
Conheça o Llanfairpwllgwyngyll F.C., o clube de futebol com o nome mais longo do mundo
CONFIRA COMO FICARAM OS GRUPOS DA COPA DO NORDESTE 2017
Você Sabia? Novo prefeito de São Paulo, João Dória é santista fanático
Eleições 2016: Saiba como foi o desempenho de ex-jogadores e jornalistas esportivos nas urnas

O goleiro Muriel falou sobre a atual situação do Esquadrão na Série B e destacou a importância de emplacar dois triunfos seguidos em casa e partir para vencer fora de casa na sequência.

“Futebol não tem tempo para lamentar o que passou e também comemorar as coisas. Sabemos que temos que chegar no objetivo nos apegando na nossa campanha em casa. Jogar duas partidas seguidas é importante, contando com o apoio do nosso torcedor, mas vamos focar no Tupi. Será um jogo difícil. O Tupi está na parte de baixo, mas está brigando. Temos alguns dias para trabalhar e, principalmente, focar no time deles e ver o que fazer para conseguir mais um triunfo e colocar o Bahia na parte de cima”, disse, em entrevista coletiva.

O camisa 1 também falou sobre os pontos perdidos recentemente fora de casa e analisou a partida contra o Londrina. No entanto, reafirmou a necessidade de conquistar os triunfos na Fonte Nova para depois ir para cima do Oeste.

“Só posso falar do que vivi. Fizemos bons jogos fora contra o CRB e o Avaí, que vem numa sequência boa. Esse contra o Londrina foi um jogo igual, os dois times criaram pouco e disputaram bastante. O Londrina teve um volume maior, mas sem muito perigo. Acho que o gol acabou sendo determinante e o juiz mudou o critério, marcando muita faltinha. Teve o lance do gol, em que o jogador estava impedido e isso afetou um pouco. Temos que assumir nossa responsabilidade, mudar nossa postura, sabendo que temos que vencer fora, mas vamos focar nos próximos jogos em casa. Depois vemos o que temos que colocar em prática para voltar a vencer fora”, acrescentou.

O Bahia enfrentará Tupi e Brasil de Pelotas nas duas próximas rodadas, na Fonte Nova. O primeiro jogo será disputado neste domingo, às 19h30.



Baiano, 22 anos, jornalista em formação pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol, este último com maior fervor. Contato: victorw10@outlook.com