Guarani ganha ‘reforço’ do Brinco de Ouro para decisão da Série C

Crédito da foto: Divulgação

O Guarani terá seu estádio neste sábado (29) para a partida contra o Boa Esporte, que abre as finais do Campeonato Brasileiro da Série C. O Bugre conseguiu no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) um efeito suspensivo da pena em que o clube ficaria sem o mando de campo do jogo devido a incidentes na partida de volta das quartas de final contra o ASA e jogará no Brinco de Ouro da Princesa.

LEIA MAIS

OPINIÃO: O DESABAFO DE UM AMANTE DO FUTEBOL QUE PEDE DIVÓRCIO

DE BICICLETA, ATOR VAI PERCORRER OITO PAÍSES

A decisão foi publicada pelo tribunal em sua página oficial na Internet. No jogo contra os alagoanos, assim que a partida foi encerrada e o time de Campinas garantiu o acesso para a Série B, torcedores bugrinos invadiram o gramado do Brinco, além de outros atos como apedrejamento do ônibus do ASA e um ato de indisciplina de um dos gandulas do estádio.

A pena foi divulgada a tempo que o Guarani conseguisse jogar a partida de volta das semifinais, contra o ABC, na qual garantiu a vaga na decisão após reverter a vitória de 4 a 0 no jogo de ida (venceu por 6 a 0 a volta) e a punição acabou ficando para o jogo contra o Boa, mas a suspensão deve adiar o cumprimento da pena.

Um novo julgamento para o caso ainda deve ter sua data definida nos próximos dias, mas o time só deverá cumprir a pena caso haja a reversão do efeito suspensivo na Série B de 2017, conforme regulamento da CBF. O Brinco de Ouro estará totalmente liberado para a partida de sábado, incluindo a região do tobogã, que será aberto a torcida pela primeira vez desde 2013.

(Crédito da foto: Divulgação)