Maicon e Bolaños deixam DM e viram opções no Grêmio

Grêmio
Foto: Reprodução/Facebook oficial do Grêmio

A estrela de Renato Portaluppi já começou a brilhar em sua terceira passagem pela casamata do Grêmio ao fazer um time desacreditado passar pelas oitavas de final e vencer o primeiro duelo das quartas da Copa do Brasil contra o poderoso e badalado Palmeiras, líder do Brasileirão. E com Maicon e Bolaños próximos de liberação completa do departamento médico o treinador ganha opções para colocar em campo uma formação inédita em sua gestão.

O volante Maicon está recuperado da lesão muscular na coxa direita, tanto que treinou na sexta com o grupo e neste sábado ao lado de Bolaños e Lincoln também em fase de liberação do DM. Elogiado por seu controle de bola e por ditar o ritmo do meio campo com toque de bola fora da curva para um “brucutu de ofício” o capitão deverá recuperar a posição ocupada por Jaílson nas partidas contra Palmeiras, Cruzeiro e Vitória. Algo que parece não preocupar o jovem que marcou o gol da vitória contra os baianos.

Pesa contra o capitão gremista a falta de ritmo de jogo que dificilmente será recuperada nos 3 dias de treino até a partida contra o Atlético Paranaense, marcada para quinta-feira, na Arena do Grêmio. Por coincidência o Furacão foi o último adversário contra o qual Maicon esteve em campo.

LEIA MAIS

GRÊMIO DÁ FOLGA AO ELENCO, RENATO VIAJA PRO RIO

GRÊMIO PODERÁ TER EVERTON NO LUGAR DE LUAN

Bolaños tem situação parecida em relação a recuperação, mas como Renato ainda não teve oportunidade de ver o comportamento do equatoriano em campo ao lado do elenco gremista e assim perceber onde seria melhor o seu aproveitamento o retorno ao time titular não é garantido. No Grêmio, o Killer sempre atuou centralizado, fosse como meia ou atacante; já na seleção equatoriana o camisa 23 atua na ponta esquerda, foi pelo lado do campo inclusive que ele marcou um gol contra o Brasil na Copa América Centenário no meio do ano, aquele invalidado pela arbitragem.

Bolaños no Grêmio nos tempos de Róger, homem centralizado no ataque ou no meio campo - Imagem: Reprodução/Blog Painel Tático
Bolaños no Grêmio nos tempos de Róger, homem centralizado no ataque ou no meio campo – Imagem: Reprodução/Blog Painel Tático
Bolaños na Seleção Equatoriana, ponta esquerda próximo da pequena área - Imagem: Reprodução/Blog Painel Tático
Bolaños na Seleção Equatoriana, ponta esquerda próximo da pequena área – Imagem: Reprodução/Blog Painel Tático

Nas últimas partidas Walace e Jaílson foram os volantes, Ramiro o responsável pela meia direita, Pedro Rocha pela esquerda e Douglas foi o homem centralizado no meio campo, na frente Henrique Almeida foi o homem de referência. Com os retornos de Maicon e Bolaños a tendência é que o capitão retome a posição de Jaílson na cabeça de área, Bolaños poderia entrar na esquerda no lugar de Pedro Rocha respeitando assim sua posição original na seleção. Outra opção seria a entrada do equatoriano na frente com Luan deslocado a ponta esquerda.

As definições sobre os retornos da dupla e seu aproveitamento vão acontecer a partir de segunda-feira quando Renato e o elenco gremista voltam aos trabalhos no turno da tarde visando o confronto de quinta-feira contra o Atlético Paranaense na quinta-feira.



Lucas Mendes é Jornalista, nascido no Rio de Janeiro mas com profundas raízes espalhadas pelo Brasil. Apaixonado por esportes desde pequeno por influência do Maior Camisa 10 de Todos os Tempos que viu jogar - o Tio Juca - Lucas busca fazer através do jornalismo esportivo o que não pode fazer dentro das quatro linhas do esporte. Com passagens por TV Jangadeiro, TV Fortaleza, Rede Record, SBT, Rede Gazeta, Rede Massa, RPC e TV Tarobá acumulou a experiência que agora compartilha no Torcedores.com