Neto acusa Galvão Bueno de mentir sobre participação de Luxemburgo em programa

Crédito da foto: Reprodução/TV Bandeirantes

Que climão! Neto, apresentador de “Os Donos da Bola”, da Band, abriu a edição desta quarta-feira com um longo desabafo contra Galvão Bueno, da Globo e SporTV, que na última segunda-feira afirmou que o “Bem, Amigos” foi o primeiro programa de TV a receber o técnico Vanderlei Luxemburgo desde a sua saída do Tianjin Quanjian, clube da segunda divisão chinesa. O ex-jogador acusou o colega de mentir.

LEIA MAIS:
VÍDEO: Luxemburgo discute com Cleber Machado e provoca climão no “Bem, Amigos” 
Luxemburgo diz que foi boicotado e cita ‘jogos armados’ no futebol chinês 

”Primeiro, dizer pro Galvão Bueno, do ‘Bem, Amigos’, que não foi o primeiro programa que o Luxemburgo foi depois que ele voltou da China. Ô Galvão, falar a verdade na televisão, vamos parar de mentir na televisão, vamos parar de achar que cês são os bonzão em tudo, né? Primeiro programa que ele veio foi no ‘Os Donos da Bola’, do Grupo Bandeirantes”, iniciou segundo relato do UOL Esporte.

”Não precisava nem falar que veio aqui, porque se fosse aí, eu falaria. Então não vamos mentir na televisão, vamos falar a verdade, valorizar as outras pessoas que trabalham no mesmo segmento. Pode não ser nem amigo, mas tem que valorizar”, continuou.

”Primeiro programa que o Luxemburgo veio e que falou que tinha esquema de resultado, manipulação, jogador que levantou o braço e que ele tá voltando, que foi boicotado foi aqui no ‘Os Donos da Bola’ do Grupo Bandeirantes, que é muito forte, e não foi no ‘Bem, Amigos’, não foi aí. Só para deixar recado procê, fio, porque na televisão a gente tem que falar a verdade, porque parece que o mundo é feito com vocês”, concluiu.

Vale lembrar que André Rizek, apresentador do”Redação SporTV”, teve discurso semelhante a Galvão e afirmou que o seu programa foi o primeiro a receber o treinador desempregado.

Durante o “Bem, Amigos”, no início da semana, Luxemburgo polemizou ao discutir com Cleber Machado e citar que na China há manipulação de resultados.



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)