Confira as notas dos jogadores do Palmeiras

Palmeiras
Crédito de imagem: Reprodução / Site oficial do Palmeiras

O Palmeiras foi à Londrina jogar contra o América-MG e venceu mais uma: 2-0 contra o lanterna do Brasileirão. Com o triunfo, o Verdão chega aos 60 pontos no campeonato e segue líder do torneio nacional. O Torcedores.com acompanhou o jogo a avalia agora todos os jogadores e treinador do Palmeiras. Confira!

LEIA MAIS
Você sabia? Paulo Nobre é o responsável por famosa expressão palmeirense
Palmeiras já se movimenta para 2017! Veja um resumo das negociações

O Palmeiras fez o famoso “jogo pro gasto” contra o América-MG. Começou a partida eletrizante, mas após o gol de Tchê Tchê aos dois minutos, cozinhou o coelho em banho-maria em todo o primeiro tempo. Na segunda etapa, novamente um jogo morno até o gol decisivo de Alecsandro, aos 43 minutos. Confira as notas dos jogadores e treinador do Verdão!

Jaílson – Não teve muito trabalho no jogo. Quando precisou esteve presente. Nota: 6,0

Jean – Atuou bem pela direita e trocou posições várias vezes com Tchê Tchê, cumprindo a movimentação pedida por Cuca. Nota: 6,5

Edu Dracena – Não foi muito exigido pelo ataque mineiro. Nota: 6,0

Vitor Hugo – Assim como seu companheiro de zaga, foi pouco exigido. Nota: 6,0

Egídio – Apoiou bem, teve seus vacilos na defesa como sempre. Manteve sua média. Nota: 5,5

Tchê Tchê – Um dos mais lúcidos no meio-campo alviverde. Autor do gol da vitória. Nota: 8,0

Moisés – Constante no meio-campo, sempre atuante na marcação e no ataque. Nota: 7,5

Zé Roberto – Jogou no meio-campo dando mais calma na transição e qualidade técnica. Nota: 7,0

Dudu – Um pouco apagado, mas fez o feijão com arroz. Nota: 6,0

Róger Guedes – Perdeu chance incrível no primeiro tempo, mas foi bastante voluntarioso. Nota: 6,5

Erik – Outro bastante voluntarioso, mas um pouco afobado nas finalizações, como no gol que perdeu no começo do jogo. Nota: 6,5

SUBSTITUTOS

Alecsandro – Entrou para prender a defesa do América dentro da área e foi coroado com o gol decisivo. Nota: 7,5

Cleiton Xavier – A intenção era dar mais qualidade técnica no passe e nas jogadas aéreas. Fez pouco, mas o suficiente. Nota: 6,0

Rafael Marques – Jogou poucos minutos quando entrou na vaga de Dudu, mas quase fez de cabeça. Nota: 7,0

Cuca – Montou um time bastante ofensivo e não teve trabalho para se defender do América-MG. Quando precisou mudar a cara do time, fez com maestria. Nota: 8,0

Foto: Reprodução / Site oficial do Palmeiras