Procurado no começo do ano, Clayton diz porque não assinou com Corinthians

Clayton, atacante do Atlético-MG
Crédito da foto: Bruno Cantini/CAM

Revelação do Figueirense no Brasileirão do ano passado, Clayton é uma das boas opções do ataque do Atlético-MG nesta edição do Campeonato Brasileiro, ao lado de Fred, Robinho, Pratto e Cazares.

LEIA MAIS:
LEMBRA DELE? EX-CORINTHIANS É PROVÁVEL TITULAR EM JOGO CONTRA O BRASIL NESTA QUINTA
LIBERADO PELO DM, GUILHERME SE PREPARA PARA VOLTA À EQUIPE DO CORINTHIANS
VICTOR SOBRE EMPATE CONTRA O CORINTHIANS: ‘O ATLÉTICO-MG FOI LIGEIRAMENTE SUPERIOR’
Por muito pouco, porém, Clayton não fechou com outro alvinegro, o da capital paulista. O Corinthians tentou a contratação de Clayton no fim do ano passado, após o título do Brasileirão, mas o jogador já negociava com o Galo. Em entrevista exclusiva ao Torcedores, o atacante fala sobre a negociação.

– Cheguei a negociar com o Corinthians, mas na verdade o Atlético-MG tinha preferência por ter sido o primeiro clube a entrar em contato com o Figueirense. Mas o negócio envolvia também a troca de jogadores entre os clubes, isso pesou um pouco.

Desde a saída de Vágner Love, o Corinthians tentou André, Guilherme, Danilo, Romero, Luciano e agora Gustavo no ataque. Todos, entretanto, não tiveram o mesmo sucesso. Para Clayton, o período de adaptação pode ter atrapalhado alguns destes nomes, como o recém-contratado Gustavo.

– A transferência de um clube para outro é um pouco complicada, eu sofri com isso na chegada ao Atlético-MG e o Corinthians está passando por uma fase difícil, mas o Gustavo é um excelente atacante e daqui a pouco encaixa um gol ou dois, ganha mais confiança e os gols começam a sair.