Chute de Roy Nelson pode gerar suspensão a lutador do UFC

Reprodução/Twitter

O chute de Roy Nelson no árbitro ‘Big’ John McCarthy após vencer a luta contra Antônio Pezão no UFC Brasília pode gerar uma punição ao americano. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva do MMA (STJDMMA) aceitou a denúncia feita pela promotoria em relação ao caso, o que pode fazer com que o ‘Gordinho do UFC’ possa receber uma dura pena, como uma suspensão.

LEIA MAIS

VILA BELMIRO 100 ANOS: ARTILHEIROS RELEMBRAM OS GRANDES GOLS MARCADOS NO PALCO

PODE ISSO? FILHO DE POLÍTICO RUSSO LUTA MMA (E VENCE!) COM APENAS 11 ANOS

JON JONES TEM AUDÊNCIA POR DOPING ADIADA

Caso seja suspenso, Nelson pode receber uma pena de seis meses a até dois anos e meio de suspensão do MMA, pena que também seria transferida para eventos internacionais, como eventos regulados pela Comissão Atlética de Nevada e pela Associação das Comissões de Boxe (ABC).

De acordo com o Globoesporte.com, o americano teve denúncia aceita pelo presidente do tribunal, Marcelo Sedlmayer em dois artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva no MMA, o 111 (agressão a árbitros) e o 113 (conduta contrária a ética), tendo um terceiro artigo o 114 (gesto obsceno ao público) uma denúncia recusada pelo STJDMMA acreditar que os gestos foram dirigidos não a torcida, mas aos juízes.

Além de uma pena pesada, Roy Nelson poderá ser multado em até R$ 130 mil pelo ato, no qual justificou após a luta que o fez por reclamar da demora da arbitragem em parar a luta (Pezão é amigo do lutador). O ‘gordinho do UFC’ foi criticado pelo chefão do Ultimate, Dana White, após o UFC Brasília e está suspenso de forma preventiva por 90 dias.

(Crédito da foto: Reprodução/Twitter)