Zagueiro do Cruzeiro revela como se tornou religioso na adolescência

Foto: Washington Alves/Light Press/ Cruzeiro

O Cruzeiro tem um zagueiro que é mineiro e conhece os caminhos do futebol. Natural de Contagem-MG, Léo se mudou ainda adolescente, para Porto Alegre e  ficou longe da família. Com a distância, o jogador que hoje está perto de casa contou em entrevista ao portal UOL, como se tornou evangélico e mudou a sua forma de viver.

Leia mais:

EMOÇÃO! CRUZEIRO REÚNE CAMPEÕES PARA GRAVAR DOCUMENTÁRIO DA TAÇA BRASIL
CRUZEIRO LEVA VANTAGEM CONTRA PONTE MAS ESPERA VIDA DURA POR DOBRADINHA

 

“Desde que comecei na base do Grêmio, eu tive oportunidade (de ter contato com a religião) porque fui convidado por um jogador do clube à época para ir à igreja evangélica. Eu estava longe de casa, longe da minha família e a igreja me acolheu. Eu comecei a frequentar e ali eu passei a ir aos cultos, a ler a bíblia, a conhecer o evangelho”, disse.

O zagueiro do Cruzeiro frisou à reportagem, a finalidade da religião na vida dos jovens. “Desde os 15 anos de idade que estou nessa caminhada, estou estudando, sou evangélico. A igreja ajuda a transformar vidas, condutas e caráter”, disse Léo.

Léo falou sobre a importância da religião na formação de jovens atletas e destacou a fé que transformou a sua vida dentro e fora dos campos. O jogador do Cruzeiro busca passar o que sente aos demais.

“Eu cheguei onde estou exercendo a minha fé. A minha fé sempre me faz pular obstáculos. Ela que me faz ultrapassar limites. Vários jogadores exercitam isso também e este é o principal fundamento do jogador. O que vai ficar mesmo é a sua conduta e o seu caráter, as amizades que você fez. Isso (a carreira) vai passar”, concluiu.

O Cruzeiro enfrenta a Ponte Preta no Mineirão, no próximo sábado, às 18h30 e o time mineiro precisa vencer para se afastar da zona de rebaixamento do Brasileirão.  Com 33 pontos, a raposa é o 16º na tabela.



Sou apaixonado por esportes e política. Escrever é minha paixão. A vida é muito intensa para ser editada em palavras!