Zé Ricardo faz testes e indica “novo Flamengo” para enfrentar o Atlético-MG; veja mudanças

Zé Ricardo, técnico do Flamengo
Crédito da foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Após o empate com o Corinthians, no último domingo, no retorno do clube ao Maracanã, o Flamengo deverá ter alterações na partida contra o Atlético-MG, sábado, no Estádio Independência. O confronto é de fundamental importância para o time de Zé Ricardo se manter na cola do Palmeiras pela liderança do Campeonato Brasileiro. Na classificação de momento, o Verdão tem 67 pontos contra 61 do Urubu, e 59 do Galo.

LEIA TAMBÉM:
Mercado da bola: veja um resumo das principais negociações no Flamengo
Flamengo vira dependente da bola aérea na reta final do Campeonato Brasileiro

Como sua equipe precisa urgentemente da vitória em Belo Horizonte, Zé Ricardo indicou em atividade dessa quarta-feira que deverá voltar a escalar três atacantes. O treinador foi bastante criticado pelo comentarista Mauro Cezar Pereira, da ESPN Brasil, o qual vê que o Flamengo regrediu nas últimas rodadas do Brasileirão desde a escalação.

Marcelo Cirino e Fernandinho jogaram mais adiantados, formando trio com Paolo Guerrero. Neste cenário, Emerson Sheik perderia a vaga de titular. Gabriel começou entre os titulares, mas logo foi substituído por Fernandinho.

Outro que ficou de fora do time foi o meia Mancuello, que deixou o empate por 2 a 2 com o Timão reclamando de dores na região da costela. Ainda se recuperando de lesão muscular, o meia-atacante Everton treinou separado e não estará disponível para enfrentar o Galo.

Se manter essa linha, Zé Ricardo deve promover um Flamengo com Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão e Diego; Marcelo Cirino, Fernandinho e Paolo Guerrero.

football formations



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.