Zé Roberto aposta no Palmeiras para atingir algo inédito na carreira

Palmeiras
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

O Palmeiras segue na luta pelo título do Campeonato Brasileiro e, neste sábado (29), vai enfrentar o clássico contra o Santos, na Vila Belmiro. O caneco é o principal objetivo do Verdão na temporada e também de um jogador em especial: o veterano Zé Roberto, que nunca conquistou um Brasileirão.

LEIA MAIS:

REUNIÃO VAI DEFINIR O VALOR QUE O VERDÃO PAGARÁ POR RAPHAEL VEIGA
MERCADO DA BOLA: SANTOS QUER ATACANTE WILLIAM POTTKER, DA PONTE PRETA
CARTOLA FC: DICAS PARA O SEU TIME BRILHAR NA 33ª RODADA
MERCADO DA BOLA: VASCO RESCINDE CONTRATO DE ZAGUEIRO

Com mais de 20 anos de carreira, o jogador, de 42, não vê a hora da competição terminar e poder dizer que é campeão brasileiro. Questionado se a proximidade do título mexe com ele, Zé Roberto foi direto.

Mexe, poxa. Iria mentir se falasse que não mexe. O Brasileiro é um título que eu ainda não tenho. Em 1996 cheguei na final com a Portuguesa, perdemos para o Grêmio. Depois fui jogar fora, 22 anos de carreira com 14 anos jogando fora. Voltei em 2012 e as equipes que joguei na volta eu só consegui vagas na Libertadores, mas não estive tão perto de conquistar estes títulos da forma que o Palmeiras está hoje“, revelou o jogador.

Ansiedade

A possibilidade da conquista é encarado com ansiedade por parte do elenco, principalmente os mais jovens, mas Zé Roberto procura conversar com todos.

Claro que a ansiedade convive com você. Você não vê a hora de que o campeonato termine e você tenha esta conquista, você pensa nisso diariamente. O importante é saber trabalhar com a ansiedade, saber conviver para que não venha a atrapalhar“, alertou o lateral, que disse ainda se motivar ainda mais neste período.

Já vivenciei na minha carreira várias situações como esta, de estar muito próximo de uma conquista e saber viver o momento de ansiedade. Isto de forma nenhuma me atrapalha, me motiva a cada dia, a cada jogo próximo. Então eu, sinceramente, não vejo a hora de terminar o Brasileiro e eu poder ter esta conquista, que com certeza é um título que falta na minha carreira“, completou.