Além da eleição de Trump, Simpsons previram acontecimentos no mundo do futebol

Simpsons
Crédito da foto: Reprodução/Twitter

O seriado “Os Simpsons” levou a internet à loucura nesta quarta-feira (9), após a eleição de Donald Trump como novo presidente dos Estados Unidos. Isso porque, em 2000, o programa exibiu um episódio ‘prevendo’ esse acontecimento. Apesar disso, essa não foi a primeira vez que a série deu uma de ‘vidente’ – no mundo do futebol, por exemplo, algumas cenas também se concretizaram. Confira abaixo!

LEIA MAIS
PRÊMIO TORCEDORES.COM TERÁ A SUA 2ª EDIÇÃO EM 2016 – E COM NOVIDADES!
CONHEÇA OS FINALISTAS DO PRÊMIO TORCEDORES.COM DE MÍDIA ESPORTIVA 2016

1 – Lesão do jogador Neymar na Copa do Mundo 2014

Em março de 2014, três meses antes da Copa do Mundo, foi ao ar o episódio “Você não tem que viver como um árbitro”, no qual o protagonista Homer Simpson havia sido convidado para ser o árbitro da final entre Brasil e Alemanha nesse torneio. Na partida, porém, Neymar (chamado de El Divo) se lesiona e tem que deixar o campo em uma maca – o que de fato aconteceu, mas em duelo contra a Colômbia.

2 – Derrota do Brasil para a Alemanha

Em determinada cena de “Você não tem que viver como um árbitro”, o placar do jogo entre Brasil e Alemanha é mostrado para o telespectador: 2 a 0 para os alemães, sob os olhares de decepção dos torcedores brasileiros. Na vida real, o resultado foi mais cruel: 7 a 1.

3 – Escândalo de corrupção da FIFA

Em 2015, dirigentes da Federação Internacional de Futebol (FIFA) se envolveram em um escândalo de corrupção. Um ano antes, contudo, “Os Simpsons” já tinham ‘previsto’ o caso. No episódio em questão, o vice-presidente da entidade procura Homer para comentar sobre irregularidades no futebol – e chega até a mostrar um jornal que denuncia os esquemas. Mas ele próprio é detido pela polícia, depois de dizer a seguinte frase: “Creio que eu mesmo estou prestes a ser preso por corrupção”.

Será que Os Simpsons vão acertar mais alguma previsão?



Jornalista, assessora de imprensa e pós-graduanda em Jornalismo Esportivo e Multimídias. Amante dos esportes desde sempre e apaixonada por futebol inglês.